Tóquio 2020

Olimpíadas Vela: Falta de ventos adia a 'regata da medalha' de Martine e Kahena

Vela: Falta de ventos adia a 'regata da medalha' de Martine e Kahena

Condição climática fez a organização da prova remarcar a competição para as 0h33 desta terça. Brasileiras estão na 2ª posição

  • Olimpíadas | Do R7

Martine Grael e Kahena Kunze buscam o bicampeonato olímpico na vela

Martine Grael e Kahena Kunze buscam o bicampeonato olímpico na vela

Ivan Alvarado/Reuters - 27.07.2021

Não será nesta segunda-feira (2) que Martine Grael e Kahena Kunze conquistarão a segunda medalha olímpica em suas carreiras. Mas o motivo não é elas terem ido mal na medal race, a última das regatas da competição no 49er FX e sim a falta de ventos em Enoshima, onde estão sendo disputados os torneios de vela em Tóquio 2020.

A prova final da categoria delas, ouro no Rio, em 2016, estava marcada para acontecer 2h30 (horário de Brasília). Inicialmente, ela foi atrasada em alguns minutos, na esperança que a condição melhorasse. Porém, isso não aconteceu, e a organização optou por adiar em um dia a regata. Agora, a regata final será disputada às 0h33 desta terça-feira (3).

Com isso, as brasileiras ficam na expectativa em encerrar a prova nesta terça-feira (3). Elas atualmente estão na 2ª colocação, empatadas em pontos com a dupla holandesa Annemiek Bekkering e Annette Duetz. A classificação está bem embolada para a rodada final, que tem pontuação dobrada, com duplas da Alemanha, Espanha e Grã Bretanha próximas e ainda na disputa.

As regatas da classe 470, que teriam a presença da dupla brasileira Ana Luiza Barbachan e Fernanda Oliveira, e as duas da classe 49er para homens, com Marco Grael e Gabriel Borges, também foram adiadas.

Chilique após derrota e contra vacinação: as polêmicas de Djokovic

Últimas