Tóquio 2020

Olimpíadas Veja a posição do Brasil no quadro de medalhas após prata no skate

Veja a posição do Brasil no quadro de medalhas após prata no skate

Triunfo de Pedro Barros no 13º dia de competições manteve a delegação brasileira no 16º lugar nos Jogos de Tóquio

  • Olimpíadas | Do R7

Pedro Barros voou no Ariake Urban Sports e garantiu a medalha de prata

Pedro Barros voou no Ariake Urban Sports e garantiu a medalha de prata

FAZRY ISMAIL/EPA/EFE - 05.08.2021

No 13º dia de competições nos Jogos de Tóquio, a delegação brasileira segue na 16ª posição no quadro de medalhas mesmo com a prata conquistada por Pedro Barros no skate. O brasileiro, que subiu ao pódio na modalidade park, nesta quinta-feira (5), juntou-se a Rayssa Leal e a Kelvin Hoefler, do street, os quais já tinham brilhado com outras duas conquistas de segundo lugar.

O Brasil poderia ser ainda melhor, mas outros dois representantes do país ficaram no quase. Pedro Quintas caiu em suas três voltas e foi apenas o 8º, enquanto Luiz Francisco, o Luizinho, por muito pouco não garantiu o bronze. Ele teve um 83.14 como sua melhor nota, muito pouco abaixo do norte-americano Cory Juneau (84.13), que ficou com o terceiro lugar.

Multicampeão dos principais torneios de skate park do mundo, Barros, de 26 anos, comemorou o feito, mas preferiu valorizar o espírito da competição que estreou nos Jogos Olímpicos e classificou a medalha como um souvenir da capital japonesa.

"Estou muito feliz com a conquista, mas a medalha não deixa de ser um souvenir. Essa medalha não deixa de ser um objeto material, de expectativa que pessoas criam", disse ele, na área de entrevistas do Ariake Urban Sports Park, um legado olímpico para Tóquio.

Com a prata de Barros, o Brasil alcançou 16 medalhas até agora nesta Olimpíada: quatro de ouro, quatro de prata e oito de bronze. A China segue em primeiro lugar com 34 bronzes, 24 pratas e 16 bronzes.

Veja o quadro de medalhas

Últimas