Tóquio 2020

Olimpíadas Tóquio: Abner Teixeira perde para cubano e fica com o bronze no boxe

Tóquio: Abner Teixeira perde para cubano e fica com o bronze no boxe

Brasileiro lutou, na manhã desta terça-feira (3), contra o cubano Julio la Cruz, pela semifinal dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020

  • Olimpíadas | Do R7

Abner Teixeira perdeu para cubano e ficou com bronze

Abner Teixeira perdeu para cubano e ficou com bronze

Ueslei Marcelino/Reuters - 03.08.2021

O Brasil ficou com bronze na disputa do peso pesado do boxe nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020. Abner Teixeira perdeu, na manhã desta terça-feira (3), para o cubano Julio la Cruz na semifinal e ficou com a medalha de terceiro colocado.

O cubano vai disputar a final contra o russo Muslim Gadzhimagomedov. E o brasileiro encerra sua participação em Tóquio 2020.

Outros dois brasileiros também já garantiram medalha para o Brasil no boxe. Hebert Conceição e Beatriz Ferreira, chegaram à semifinal e, como no boxe não tem disputa de terceiro, já garantiram, no mínimo, o bronze.

O boxe é o esporte no Brasil que tem a maior ascensão, e tem sido um dos esportes que mais rende medalhas aos brasileiros. Tóquio 2020 é a terceira Olimpíada seguida que o país conquista medalhas na modalidade.

Em Londres 2012, depois de jejum de 44 anos desde o bronze em México 1968, os boxeadores brasileiros conquistaram dois bronzes e uma prata. Na Rio 2016, o ouro inédito veio com Robson Conceição.

em Tóquio, a brasileira Beatriz Ferreira, campeã mundial e ouro no Pan-Americano em 2019, chegou como a grande favorita da categoria até 60 kg. Ela venceu, nesta terça-feira, a pugilista Raykhona Kodirova, do Uzbequistão, na disputa das quartas de final, e segue vivo o sonho do ouro.

Últimas