Tóquio 2020

Olimpíadas Simone Biles não vai disputar a final do individual geral em Tóquio

Simone Biles não vai disputar a final do individual geral em Tóquio

Após passar por exames médicos, ginasta norte-americana abriu mão da defesa do título olímpico para cuidar da saúde mental

  • Olimpíadas | Do R7

Simone Biles está classificada para as finais dos quatro aparelhos

Simone Biles está classificada para as finais dos quatro aparelhos

Mike Blake/Reuters - 27.07.2021

A ginasta Simone Biles não vai disputar a final do individual geral dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que acontece nesta quinta (29). Em comunicado divulgado nesta quarta-feira (28), a equipe de ginástica dos Estados Unidos informou que Biles passou por exames médicos e decidiu não tentar o bicampeonato olímpico para cuidar da sua saúde mental.

Segundo o comunicado, a estrela norte-americana vai passar por avaliações diárias para decidir se irá competir nas outras finais por aparelhos. Com a desistência de Biles, a brasileira Rebeca Andrade assumiu o favoritismo na disputa individual geral.

A equipe dos EUA apoiou a decisão da atleta e elogiou a coragem dela de priorizar o bem-estar. A norte-americana Jade Carey, que foi a nona colocada na fase eliminatória, vai disputar a final individual. Biles conquistou quatro medalhas de ouro e uma de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio.

Substituição na final por equipes

Depois de ficar fora da final por equipes, Simone Biles conversou com jornalistas e disse que a decisão se deu por problemas emocionais.

"Depois da apresentação que fiz, eu simplesmente não queria continuar. Não confio mais em mim mesma", disse a ginasta, tentando segurar as lágrimas.

Sem Biles, a equipe dos EUA foi derrotada pelo comitê olímpico russo e ficou com a medalha de prata.

Nas classificatórias, depois de sofrer com algumas quedas e erros, Biles teve um excelente desempenho e se credenciou para a disputa de todas as finais possíveis. Porém, mesmo ao comemorar o feito, nesta segunda-feira (25), a atleta desabafou sobre o fardo de ser uma das estrelas da sua delegação e das Olimpíadas.

Últimas