Tóquio 2020

Olimpíadas Paulo André piora tempo e fica fora das finais dos 100 m rasos

Paulo André piora tempo e fica fora das finais dos 100 m rasos

Velocista não manteve desempenho das eliminatórias e ficou em último na sua série com o tempo de 10s17 nos Jogos de Tóquio

  • Olimpíadas | Do R7

Fora da final: brasileiro (à dir.) ficou em último na sua série

Fora da final: brasileiro (à dir.) ficou em último na sua série

Aleksandra Szmigiel/Reuters - 01.08.2021

O velocista Paulo André Camilo não foi bem, neste domingo (1º), na semifinal da prova dos 100 m rasos e ficou de fora da briga por medalhas nos Jogos de Tóquio. O paulista de Santo André marcou 10s31, ficando em último na sua série. Na etapa anterior, nas eliminatórias, ele havia feito 10s17

"Na prova, foi bem estranho. Eu tomei um susto com o [velocista chinês [Bingtian] Su na minha frente e, durante a prova, eu vi o telão. E deu a impressão que senti a perna, mas não é nenhum desconforto, é que a gente precisa... [Senti] um pouco de sobrecarga, de ontem pra hoje, foi muito intenso. Fator psicológico pode interferir, mas estou maduro para absorver isso", afirmou Paulo André ao enviado do R7 a Tóquio, no Japão, André Avelar.

"Foi um tempo bem alto, eu sei. Estou processando tudo isso. Nossa realidade é o revezamento 4 x 100 m, a gente não pode fugir disso. Tenho um objetivo muito grande. Eu sei que o Brasil apostava muito nos 9 segundos, mas olimpíada é isso. Os 100 metros não permitem erros e olimpíadas muito menos", completou.

Com 9s83, o melhor tempo ficou justamente com o chinês Su Bingtian, seguido pelo norte americano Ronnie Baker (9s83) e o italiano Lamont Marcell Jacobs (9s84). 

Últimas