Tóquio 2020

Olimpíadas Macris se recupera de lesão e está à disposição de José Roberto

Macris se recupera de lesão e está à disposição de José Roberto

Levantadora titular da seleção de vôlei ficou no banco na vitória do Brasil contra o Quênia, depois de sofrer entorse no tornozelo

  • Olimpíadas | Do R7

Levantadora Roberta começou partida contra Quênia como titular

Levantadora Roberta começou partida contra Quênia como titular

Valentyn Ogirenko/Reuters - 2/8/2021

A seleção brasileira feminina de vôlei já pode contar com um reforço para as quartas de final de Tóquio 2020. A levantadora titular Macris apareceu nesta segunda-feira (3), na vitória por 3 sets a 0 contra o Quênia, recuperada da lesão no tornozelo direito que a ameaçou encerrar mais cedo os Jogos Olímpicos para a atleta.

Macris, de 32 anos, se machucou ainda no terceiro jogo do time do técnico José Roberto Guimarães. O treinador mostrou confiança na reserva Roberta, mas ainda contava com a volta da titular para as fases decisivas.

Apesar de recuperada da contusão sofrida no jogo contra o Japão, Macris ficou no banco. A camisa 8 esteve no aquecimento antes do início da partida e também nos intervalos de set, com o uniforme de jogo, pronta para qualquer eventualidade. Da tribuna de imprensa, a atleta parecia se movimentar sem restrições. A tendência é que ela volte ao posto de titular na próxima fase.

Depois de uma campanha abaixo do esperado na Rio 2016, quando caiu nas quartas de final para a campeã China, a expectativa é voltar ao pódio em Tóquio 2020. A seleção brasileira tem duas medalhas de ouro e duas de bronze na história da competição.

Conheça Chico, o técnico 'paizão' por trás do sucesso de Rebeca

Últimas