Tóquio 2020

Olimpíadas Iêda Guimarães busca 2ª medalha do Brasil no pentatlo moderno

Iêda Guimarães busca 2ª medalha do Brasil no pentatlo moderno

Estreante nos Jogos Olímpicos, a atleta compete na etapa final da modalidade às 02h30 de sexta-feira (6), no horário de Brasília

A atleta Iêda Guimarães durante a disputa da esgrima nos Jogos de Tóquio

A atleta Iêda Guimarães durante a disputa da esgrima nos Jogos de Tóquio

Júlio César Guimarães/COB

A brasileira Iêda Guimarães faz a segunda parte de competições do pentatlo moderno nos Jogos Olímpicos de Tóquio às 02h30 de sexta-feira (6), no horário de Brasília. A atleta está em busca de mais uma medalha para o Brasil na modalidade, que tem apenas o bronze conquistado por Yane Marques nos Jogos de Londres em 2012.

Na modalidade, a atleta compete em cinco etapas, cada uma com um esporte diferente, sendo eles, respectivamente, a esgrima, os 200 metros na natação, hipismo na categoria saltos e um evento combinado de tiro e corrida. Iêda fechou em 30º lugar a primeira etapa da disputa.

Vale destacar que apenas em 2000, nos Jogos Olímpicos de Sidney, que mulheres passaram a ser incluídas na disputa da modalidade.

No pentatlo praticado nos Jogos Olímpicos da Antiguidade, os atletas competiam no lançamento de disco, salto em distância, lançamento de dardo e luta. A modalidade praticada atualmente sofreu modificações e por isso recebeu moderno na complementação do nome.

Últimas