Seleção brasileira

Olimpíadas Convocado de última hora, Malcom se apresenta à seleção olímpica

Convocado de última hora, Malcom se apresenta à seleção olímpica

Jogador não foi liberado em primeira convocação, mas, com lesão de Douglas Augusto, Zenit cedeu ao desejo do atleta

Lance
Malcom foi o último jogador a se apresentar para seleção olímpica

Malcom foi o último jogador a se apresentar para seleção olímpica

Lucas Figueiredo/CBF

A seleção brasileira olímpica masculina está com o grupo completo para a disputa do futebol nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020. Nesta segunda-feira (19), o atacante Malcom, de 24 anos, chegou a Yokohama e se apresentou ao técnico André Jardine. Agora, todos os 22 jogadores estão juntos no país asiático.

Jogador do Zenit, o atleta só foi liberado para integrar o grupo que buscará o bicampeonato olímpico após a conquista da Supercopa da Rússia, no último fim de semana. Em sua chegada, o atacante afirmou que "está muito ansioso" para a estreia, que acontece na quinta-feira (21).

- Sensação única de poder representar o meu país. Estou muito ansioso para começar a treinar com o grupo. Tenho dois dias aí para trabalhar e conhecer os novos companheiros antes da nossa estreia - disse Malcom ao site oficial da CBF.

Convocado na lista inicial de André Jardine, Malcom não foi liberado pelo Zenit para a disputa dos Jogos Olímpicos. Com o corte do volante Douglas Augusto, porém, o ex-Corinthians e Barcelona conseguiu a liberação para defender o Brasil no Japão.

- Quando Deus tem planos para nossa vida, nos resta orar e esperar a vontade dele. Eu fiquei muito feliz, honrado e motivado com a reconvocação para disputar essa Olimpíada - afirmou o atleta.

Com Malcom à disposição, André Jardine fará o penúltimo treinamento da seleção brasileira nesta terça-feira (20). Na quinta (22), o time canarinho estreia contra a Alemanha, em Yokohama, às 8h30 (de Brasília).

Esbanjando estilo! Veja os trajes do skate brasileiro para Tóquio 2020

Últimas