Tóquio 2020

Olimpíadas Brasil quer evitar surpresas contra sauditas no futebol masculino

Brasil quer evitar surpresas contra sauditas no futebol masculino

Equipe pode empatar com a Arábia Saudita, nesta quarta, às 5h, e terá Matheus Henrique no lugar de Douglas Luiz, suspenso

  • Olimpíadas | Eugenio Goussinsky, do R7

Richarlison é um dos destaques do Brasil

Richarlison é um dos destaques do Brasil

Kiyoshi Ota/EFE/22-07-21

A seleção brasileira de futebol masculino enfrenta a Arábia Saudita, nesta quarta-feira, (28), em Saitama, às 5h (de Brasília) pela terceira rodada da fase de grupos dos Jogos Olímpicos de Tóquio, com o objetivo de garantir a vaga para as quartas de final da competição.

A equipe dirigida por André Jardine tem jogado um futebol ofensivo, de qualidade técnica, com um quarteto ofensivo de destaque, formado po Antony, Richarlison, Matheus Cunha e Claudinho. A preocupação, no entanto, é evitar surpresas e, ao mesmo tempo, se preparar para a próxima fase.

Para tanto, a equipe entrará em campo com um olho na classificação e outro no próximo adversário, que tem grandes chances de ser a Espanha ou a Argentina, tradicionais forças do futebol olímpico.

Confiança e personalidade não têm faltado até agora. A seleção brasileira lidera o grupo D, com quatro pontos. A liderança ocorre em função do saldo de gols superior ao da Costa do Marfim, 2 contra 1. Ao Brasil, basta um empate, portanto, para a classificação ser alcançada..

Na campanha, o Brasil venceu com autoridade a Alemanha, por 4 a 2, na estreia, e empatado, jogando com um a menos desde os 13 da etapa inicial, com a forte seleção da Costa do Marfim. Douglas Luiz foi expulso no momento em que disputava na corrida uma bola com o atacante adversário.

Na coletiva desta terça-feira (27), o técnico da seleção brasileira, André Jardine, confirmou que o volante Matheus Henrique, do Grêmio, será o substituto de Douglas Luiz.

"Está confirmado. O Matheus é um jogador muito importante aqui no processo olímpico. É um dos atletas que talvez tenha o maior número de convocações, mais minutos. Foi um jogador titular em quase todas as convocações que esteve com a gente, já foi capitão da equipe. Tem um um entrosamento ótimo com o Bruno Guimarães, então vão reeditar a dupla que jogou praticamente todos os jogos do pré-olímpico", disse o treinador.

O restante da equipe deverá ser o mesmo. O Brasil, portanto, deverá iniciar com Santos; Daniel Alves, Nino, Diego Carlos e Guilherme Arana; Matheus Henrique, Bruno Guimarães e Claudinho; Antony, Matheus Cunha e Richarlison.

Na Arábia Saudita, já sem chances de classificação, o objetivo é deixar a competição de forma honrosa.

Comandada pelo técnico Saad Al Shehri, a equipe árabe fez partidas equilibradas contra a Costa do Marfim, quando perdeu por 2 a 1, e contra a Alemanha, nova derrota, por 3 a 2. O zagueiro Al-Dawsari fez o gol diante dos marfinenses e o meio-campista Al-Naji marcou duas vezes contra a Alemanha.

Últimas