Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Wanderley Pereira leva primeiro cinturão do Brasil no Grand Prix

Atleta da categoria até 80kg conquistou sua segunda vitória no Grand Prix Internacional e já garantiu o título da chave

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7


Depois da realização de mais 26 combates no segundo dia do Grand Prix Internacional de boxe, em Brasília, o Brasil confirmou seu primeiro título na competição. Na disputa do 80kg masculino, Wanderley Pereira venceu sua luta nesta quinta-feira (20) e garantiu o cinturão da categoria. Além disso, os brasileiros levaram mais 15 triunfos no ringue montado no Ginásio Nilson Nelson.

O primeiro cinturão brasileiro saiu após a conquista da segunda vitória do Holyfield no torneio. Ele bateu o colombiano Sergio Moreno, em combate que se encerrou no segundo round, quando a arbitragem interrompeu a luta e decretou a vitória por RSC. "Foi uma luta muito boa, escolhi colocar um pouquinho mais de ritmo, escutei bem os técnicos e a gente fez o que tava programado", analisou Wanderley. O brasileiro já confirmou seu título pois o alemão Silvio Shierli, seu adversário no terceiro confronto, sofreu uma lesão grave no bíceps e não poderá subir no ringue no próximo sábado (22).

A primeira luta do time principal contra a equipe da Colômbia ocorreu na categoria até 51kg, onde Michael Trindade mediu forças com o colombiano Alan Ospino. Com um um domínio bastante evidente nos dois primeiros rounds, ele encaminhou seu triunfo por unanimidade. Outro que sobrou na sua disputa foi Luiz Oliveira, no 57kg. Bolinha não tomou conhecimento de Alexander Brito e venceu a luta pelo placar de 5 a 0.

No 63,5kg, Cleisson dos Santos e Duvan Zulueta se enfrentaram no Ginásio Nilson Nelson. Encaixando as investidas de maior potência, ele levou a melhor nos três assaltos e garantiu seu primeiro triunfo no evento. Logo depois, foi a hora de Wanderson Oliveira, o Shuga, entrar em ação diante de Jhonatan Chalá no 71kg. Apresentando uma ótima atuação desde o começo, ele saiu com a vitória na decisão unânime. "O combate eu já sabia que ia ser intenso, porque ele é um cara que não respeita nós, e tem que respeitar, nós estamos em casa e somos brasileiros", falou o atleta. Finalizando os duelos no masculino, Keno Marley (92kg) e Abner Teixeira (+92kg) superaram, respectivamente, Jhojan Caicedo e Sebastian Murillo, ambos por 5 a 0.

Wanderley Pereira

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.