Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Brasileiros vão muito mal nos challengers europeus de tênis

Os brasileiros não conseguiram vencer nenhum dos seus jogos na europa

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7


Nesta quarta-feira (19) ocorreram os Challengers de tênis de Poznan, na Polônia, e de Blois, na França. O dia foi péssimo para os brasileiros, já que Daniel Dutra e Gabriel Roveri caíram logo nas oitavas, enquanto adiaram as partidas dos outros ‘brazucas’, devido ao mau tempo. Além disso, na na última terça (18), Pedro Sakamoto e José Pereira foram os únicos brasileiros a avançarem no Challenger de Santa Cruz de la Sierra.

CHALLENGER DE POZNAN

Daniel Dutra da Silva foi o único brasileiro na disputa individual da competição de tênis. O paulista perdeu para o argentino Camilo Carabelli, por 2 a 0, com parciais de 6/4 e 7/5, pelas oitavas do torneio.

Publicidade

E teria mais clássico sul-americano, mas dessa vez nas duplas, isso porque Mateus Alves e Daniel Dutra da Silva enfrentariam os argentinos Camilo Carabelli e Genaro Olivieri, mas adiaram a partida para amanhã (20) devido ao mau tempo na Polônia. E esse não foi o único jogo adiado, já que a dupla Orlando Luz e Marcelo Zormann, que disputaria contra o romeno Alexandru Jecan e o austrio David Pichler, também não jogará hoje, pelo mesmo motivo.

CHALLENGER DE BLOIS

Publicidade

Já na cidade francesa, o Brasil esteve presente com somente um atleta, Gabriel Roveri. O brasileiro fez dupla com o croata Zvonimir Babic e enfrentaram o neozelandês Rubin Statham e o australiano Thomas Fancutt. A dupla americana-europeia perdeu, com parciais de 6/4 e 6/1, resultando no placar de 2 a 0.

CHALLENGER DE SANTA CRUZ DE LA SIERRA

Na Bolívia, apenas dois brasileiros se classificaram para a próxima fase na competição de tênis. Pedro Sakamoto enfrentou e venceu o argentino Valerio Aboian, por 2 a 1, com parciais de 7/6, 6/7 e 6/4. Já o pernambucano José Pereira passou pelo catarinense Pedro Boscardin, por 2 a 0, com parciais de 6/4 e 6/2. Os brasileiros podem se enfrentar nas quartas, já que estão do mesmo lado da chave.

Além de Boscardin, João Lucas Reis e Matheus Pucinelli também foram eliminados nas disputas individuais. Os brasileiros caíram para o argentino Hernán Casanova (duplo 6/2) e o libanês Hady Habib (6/3 e 7/6), respectivamente.

Por fim, nas duplas, Matheus Pucinelli e Nicolas Zanellato caíram para os bolivianos Murkel e Iker Dellien, por 2 a 1, com parciais de 6/1, 4/6 e 8/10.

X

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.