Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Brasil bate Letônia e se classifica para os Jogos Olímpicos de Paris

Com muita emoção e torcida contra, Brasil dá show e volta aos Jogos Olímpicos no basquete masculino, fazendo ponte aérea Riga-Paris...

Olimpíada Todo Dia

Olimpíada Todo Dia|Do R7


O Brasil está nos Jogos Olímpicos de Paris no basquete masculino! Logo após suportar a pressão da torcida em Riga, o time brasileiro deu espetáculo contra a Letônia, venceu o Pré-Olímpico e garantiu a vaga olímpica neste domingo (07). A equipe se classifica após ficar de fora da última edição em Tóquio. Foi um show de três pontos no primeiro quarto, desmoralizando o adversário para o restante da partida, que terminou 94 a 69.

Em Londres-2012, o Brasil classificou vencendo o Pré-Olímpico continental e ficou com a quinta colocação. No Rio-2016, já tinha a vaga por ser o país sede, mas não avançou entre os quatro melhores do grupo para os playoffs e fechou em nono lugar. Desde então, a impressão é que o basquete brasileiro perdeu sua força internacional. Contudo, os jogadores brasileiros estão de volta a uma edição de Olimpíada e mostrando um grande basquetebol.

Primeiro tempo

Com um primeiro quarto quase perfeito, o Brasil acertou 8/8 em bolas de três pontos. Dessa forma, o marcador terminou em 34 a 11 com um arremesso da quadra de defesa de Bruno Caboclo no último segundo. Desde o princípio, o time brasileiro espaçou seus jogadores, escolheu os melhores momentos para arremesso e defendeu muito forte. Além disso, contou com uma precisão incomum para qualquer nível de seleção mundial e dribles desconcertantes para encontrar espaços. Confira o lance espetacular:

Publicidade

No segundo quarto, a Letônia entrou em um ritmo de encaixar melhor sua defesa no perímetro. Isso tornou a parcial mais equilibrada e a diferença diminuiu. Um susto com Yago, ao aterrissar após uma jogada, tirou por alguns momentos o armador da partida para o lado do Brasil. Porém, a seleção de Petrovic, soube contornar o problema e o crescimento da equipe adversária. Desse modo, o quarto terminou 22 a 15 para o time letão, com uma cravada de Gui Santos para o Brasil, que foi para o intervalo com 49 a 33 de vantagem.

Publicidade

Segunda etapa

Muito consciente de aplicação tática e empenho defensivo, o Brasil controlou bem a terceira parcial, mesmo com a ausência de Yago. Gui Santos foi muito competente em pressionar a bola quando o ataque era para a Letônia. Além disso, o aproveitamento continuou alto nos arremessos e ataques contundentes brasileiros. Georginho deu uma cravada desmoralizante que deixou o ginásio em silêncio e desacreditado de uma reação. O Brasil venceu por 23 a 13, ampliando em dez a vantagem no placar, que marcava 72 a 46. Veja o lance de Georginho:

O quarto período serviu apenas para confirmar a vaga do Brasil, que sofreu com a arbitragem e as faltas que a Letônia fazia. Foi um 23 a 22 para o time da casa, mas com uma imposição moral no final de como o Brasil soube fazer o que precisava.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.