Esportes Número 2 do mundo, Osaka passa às oitavas em Miami sem jogar; Muguruza vence

Número 2 do mundo, Osaka passa às oitavas em Miami sem jogar; Muguruza vence

Número 2 do mundo, a tenista japonesa Naomi Osaka nem precisou entrar em quadra neste domingo para a disputa da terceira rodada do WTA 1000 de Miami, realizado em quadras rápidas nos Estados Unidos. A cabeça de chave 2 do torneio na Flórida foi beneficiada pela desistência da sérvia Nina Stojanovic, 95.ª do ranking, que justificou a sua saída do torneio por lesão na coxa direita.

"Lamento não poder continuar a minha participação no Miami Open devido à minha lesão recente durante o meu jogo de simples", declarou Stojanovic, em comunicado divulgado pela WTA. Osaka agora encara a belga Elise Mertens, que venceu um duelo de três sets contra a estoniana Anett Kontaveit por 6/2, 0/6 e 6/2.

Osaka pode reassumir a liderança do ranking da WTA após o torneio em Miami. Existem dois cenários para a japonesa: o primeiro envolve ela chegar à final com a australiana Ashleigh Barty, atual líder, perdendo antes da semi. Caso Barty seja semifinalista, a japonesa terá que ser campeã. Já com uma decisão para a australiana, Osaka não teria mais chance, mesmo em caso de título.

Vinda de uma boa estreia, Garbiñe Muguruza encarou um jogo difícil neste domingo, mas garantiu o seu lugar nas oitavas de final. Cabeça 12 do torneio, a espanhola derrotou de virada a convidada russa Anna Kalinskaya por 2 sets a 1 - com parciais de 4/6, 6/3 e 6/4. Esta foi a 20.ª vitória de Muguruza em 24 jogos disputados no ano.

Ex-número 1 do mundo e atual 13.ª do ranking, Muguruza é a segunda jogadora que mais pontuou neste início de temporada. A espanhola de 27 anos já disputou finais de WTA 500 em Melbourne e Doha, além de conquistar o WTA 1000 de Dubai há duas semanas. Ela fez 1.805 pontos em 2021 e só fica atrás de Osaka, campeã do Aberto da Austrália, com 2.185 na temporada.

OUTROS JOGOS - Pela terceira vez em 2021, a americana Jessica Pegula foi a responsável por eliminar Karolina Pliskova de um torneio. Assim como já havia acontecido em Doha e Dubai, a tenista dos Estados Unidos também despachou a checa em Miami, desta vez em um confronto de três sets com as parciais de 6/1, 4/6 e 6/4.

Aos 27 anos, Pegula vive boa fase no circuito profissional. A atual 33.ª do ranking chegou às quartas de final do Aberto da Austrália e também do WTA 1000 de Dubai, além de ter sido semifinalista em Doha. Sua próxima adversária é a grega Maria Sakkari, que fez 6/0 e 6/1 contra a russa Liudmila Samsonova.

Outra vitória espanhola na rodada deste domingo veio com Sara Sorribes, que manteve sua ótima fase. Vinda de título em Guadalajara e semifinal em Monterrey nas últimas semanas, a 58.ª do ranking derrotou a casaque Elena Rybakina, 23.ª, por 2 sets a 1 - parciais de 6/1, 3/6 e 6/2.

Últimas