Super Bowl 2019
Mais Esportes Quanto custa para o brasileiro assistir ao Super Bowl no estádio?

Quanto custa para o brasileiro assistir ao Super Bowl no estádio?

Comendo fast food todos os dias e comprando ingresso mais barato para a partida, valor ultrapassa a casa das dezenas de milhares de reais

O estádio do Super Bowl, em Atlanta, no estado da Geórgia

O estádio do Super Bowl, em Atlanta, no estado da Geórgia

Jason Getz/USA Today Sports/Reuters - 24.01.2019

Você ama o futebol americano há muito tempo e seu sonho é ir a um Super Bowl? Ou surgiu uma paixão repentina e arrebatadora e você planeja ir a Atlanta para acompanhar o jogaço entre Rams e Patriots

O Super Bowl 53 será transmitido pela ESPN no PlayPlus, a plataforma de streaming do Grupo Record

Assine já o PlayPlus e acompanhe todos os canais ESPN!

A reportagem do R7 resolveu fazer cálculos e descobrir quanto custaria, para os bolsos brasileiros, uma viagem de última hora para a Georgia, nos Estados Unidos.

Para início de conversa, o ingresso propriamente dito. Como é costume nos Estados Unidos, é fácil encontrar lugares sendo revendidos oficialmente em sites especializados.

O assento mais barato disponível sai pela bagatela de US$ 2.832, que, convertidos para reais, equivalem a R$ 10.633. Essa entrada dá direito a uma localização no segundo anel do estádio — em que se vê o jogo de uma distância relativamente grande. 

Se você não se contenta com pouco e deseja estar mais próximo do campo, a ponto de ouvir as conversas no banco de reserva, se prepare, pois o privilégio vai lhe custar US$ 10.600, ou R$ 39.800 — o preço de um carro popular.

Resolvida a questão do ingresso, é hora de garantir a passagem e reservar um quarto de hotel. Ao procurar por pacotes em sites especializados, os preços aparecem mais salgados do que o normal, claramente inflacionados pela alta procura devido ao final de semana atípico. O "combo" mais em conta fica por R$ 6.818. Este valor inclui a passagem com saída de São Paulo, na sexta-feira (1º), e retorno na segunda-feira (4), e estadia em hotel simples, com café da manhã.

Para se locomover pela cidade, é possível alugar um carro no próprio aeroporto, ao custo de R$ 326 por dia por um veículo compacto simples. Pelos dias em que ficar na cidade, o custo total seria de R$ 978 com o transporte (sem a gasolina). 

Pensando na alimentação durante a viagem, se a ideia é economizar, é possível fazer uma dieta — não muito balanceada — baseada em sanduíches das redes fast-food locais.

Com isso, somado ao café da manhã no hotel, a despesa seria de R$ 30 com almoço e jantar consumindo um sanduíche, acompanhado de batatas fritas e refrigerante. No total seriam aproximadamente R$ 75.

Durante a partida, as opções alimentícias têm preços acessíveis — se comparados aos demais estádios — incluindo um cachorro quente de R$ 7,50, hambúrguer por R$ 18 e refrigerantes com refil livre por R$ 7,50.

Somando todas as despesas, contabilizando os valores mínimos encontrados pela reportagem, um viajante/aventureiro brasileiro gastaria a bagatela de R$ 18.519.

Cabe a você decidir: vale a pena?

Curta a página do R7 Esportes no Facebook. 

Lady Gaga, Katy Perry, Madonna: grandes shows do Super Bowl