Livre Surf 2ª etapa do CBSurf Júnior Tour 2020 será em Ubatuba

2ª etapa do CBSurf Júnior Tour 2020 será em Ubatuba

A 2ª etapa do CBSurf Júnior Tour 2020 será em Ubatuba com 136 atletas de 11 estados nas categorias sub18, sub16 e sub14 no masculino e no feminino. 2ª etapa do CBSurf Júnior Tour 2020 será em Ubatuba A retomada dos campeonatos oficiais terá mais um importante compromisso nos dias 19 e 20, novamente em …

Livre Surf

A 2ª etapa do CBSurf Júnior Tour 2020 será em Ubatuba com 136 atletas de 11 estados nas categorias sub18, sub16 e sub14 no masculino e no feminino.

Livre Surf

Livre Surf

Livre Surf

2ª etapa do CBSurf Júnior Tour 2020 será em Ubatuba

A retomada dos campeonatos oficiais terá mais um importante compromisso nos dias 19 e 20, novamente em Ubatuba, no litoral paulista, com a 2ª etapa do Silverbay apresenta CBSurf Júnior Tour 2020.

O evento na Praia de Itamambuca terá lotação máxima, com 136 atletas de 11 estados, em seis categorias, a sub18, a sub16 e a sub14, ambas na masculina e feminina.

Caio Costa- Fotos fabriciano junior

Disse o presidente da Confederação Brasileira de Surf (CBSurf), Adalvo Argolo:

“As vagas foram preenchidas rapidamente, via federações, e teremos os melhores atletas de base do País competindo no litoral paulista.

Assim como ocorreu no CBSurf Pro Tour, também em Ubatuba, a etapa será realizada em dias de semana para evitar aglomerações na praia e seguiremos os protocolos de segurança entre atletas, pais, técnicos e a comissão técnica.

Nossa preocupação é com a saúde e o desenvolvimento dos nossos competidores”.

O evento será realizado logo após o Hang Loose Surf Attack, o mais tradicional campeonato de base do País e que define os campeões paulistas com até 18 anos de idade.

Livre Surf

Livre Surf

Livre Surf
Caua Costa-Fotos fabriciano junior

Afirmou o presidente da Federação Paulista de Surf, Silvio da Silva, o Silvério:

“Teremos os dois eventos seguidos em Itamambuca, o estadual de segunda a quarta e o Brasileiro quinta e sexta.

Será uma semana reunindo o que há de melhor do surf da nova geração brasileira’,

A etapa inicial do ranking foi realizada no início de março, na Praia da Tiririca, em Itacaré, na Bahia, antes da pandemia do Covid-19. Por equipes, São Paulo venceu em busca do seu 13º título do Circuito. Apesar da primeira colocação geral do time paulista, foram dois representantes do Rio de Janeiro que venceram entre os mais velhos, com Cauã Costa e Maju Freitas.

Livre Surf

Livre Surf

Livre Surf
Maju Freitas – Fotos Fabriciano Junior

Na sub16, o domínio foi paulista, com os atuais campeões Caio Costa e Sophia Medina. Os dois, inclusive, foram os grandes destaques, também chegando na final da categoria acima, ela em segundo lugar e ele em terceiro.

Já sub14, Daniel Duarte, mais um talento de SP levou a melhor, e entre as meninas, o primeiro lugar ficou com o paranaense Luara Mandelli. No total, surfistas de nove estados subiram ao pódio em Itacaré.

Além de Caio e Sophia, outros atletas chegaram em duas finais. A catarinense Kiany Hyakutake foi vice na sub16 e quarta na sub18; a paulista Sophia Gonçalves ficou em terceiro na sub14 e quarto na sub16; Guilherme Fernandes, também de SP, foi segundo na sub16 e quarto na sub14.

Livre Surf

Livre Surf

Livre Surf
Sophia Medina – Fotos Fabriciano Junior

Já por equipes, São Paulo venceu com boa vantagem, somando 6.820 pontos, com Santa Catarina em segundo, com 4.670, Rio de Janeiro com 4.420 e a Bahia “colada”, com 4.335.

Disse o presidente da Federação Paulista de Surf, Silvio da Silva, o Silvério:

“A expectativa é realizar outro evento de sucesso, como foi com o profissional, e também queremos repetir a vitória por equipes, confirmando o excelente trabalho que sempre fizemos com as categorias de base”,

RANKING 2020

Masculina sub18

1 Cauã Costa (RJ) – 1.000

2 Mateus Sena (RN) – 860

3 Caio Costa (SP) – 730

4 José Cláudio (PE) – 670

Feminina sub18

1 Maju Freitas (RJ) – 1.000

2 Sophia Medina (SP) – 860

3 Júlia Duarte (RJ) – 730

4 Kiany Hyakutake (SC) – 670

Masculina sub16

1 Caio Costa (SP) – 1.000

2 Guilherme Fernandes (SP) – 860

3 Rodrigo Saldanha (SP) – 730

4 Sunny Pires (RJ) – 670

Feminina sub16

1 Sophia Medina (SP) – 1.000

2 Kiany Hyakutake (SC) – 860

3 Kemily Sampaio (SP) – 730

4 Sophia Gonçalves (SP) – 670

Masculina sub14

1 Daniel Duarte (SP) – 1.000

2 Murilo Coura (SP) – 860

3 Pedro Ryan (CE) – 730

4 Guilherme Fernandes (SP) – 670

Feminina Sub14

1 Luara Mandelli (PR) – 1.000

2 Maria Eduarda (BA) – 860

3 Sophia Gonçalves (SP) – 730

4 Evelym Kaline (PB) – 670

Equipes

1 São Paulo – 1.000

2 Santa Catarina – 860

3 Rio de Janeiro – 730

4 bahia – 670

5 Ceará – 610

6 Paraíba – 583

7 Rio Grande do Norte – 555

8 Paraná – 528

9 Pernambuco – 500

10 Espírito Santo – 488

11 Sergipe – 475

12 Pará – 462

#estamosnatorcida

Últimas