Lance Vasco joga mal e perde para Bahia em Pituaçu

Vasco joga mal e perde para Bahia em Pituaçu

Com gols de dois ex-vascaínos Rossi e Gilberto, e do atacante Clayson, Cruz-Maltino volta a apresentar falhas defensivas no Campeonato Brasileiro

Lance
  • Lance | por Lance

Clayson fez o terceiro gol do Bahia contra Vasco

Clayson fez o terceiro gol do Bahia contra Vasco

Lance

Nesta quarta, o Vasco jogou mal, voltou a apresentar falhas defensivas e perdeu para o Bahia por 3 a 0 em Pituaçu. Com gols de dois ex-vascaínos Rossi e Gilberto, e do atacante Clayson, o Tricolor construiu o resultado ainda no primeiro tempo e se afastou da zona da degola. Já o Cruz-Maltino não vence há quatro partidas no Campeonato Brasileiro e segue com 18 pontos.

Na próxima rodada, o Vasco volta campo no clássico contra o Flamengo, sábado, às 17h, em São Januário. O Bahia, por sua vez, visita, no dia seguinte, o Fluminense, às 16h, no Maracanã.

E a lei do ex aparece
Desde o início da partida em Pituaçu, o Bahia tomou a iniciativa e foi mais perigoso, sobretudo em jogadas nas costas dos laterais do Vasco. Na primeira delas, aos 4, Clayson fez boa jogada, e com liberdade tocou para Gregore, que chutou, mas Fernando Miguel defendeu. O Cruz-Maltino revidou com um chute de longe de Marcos Junior, que passou perto. No entanto, aos 9, a lei do ex deu o ar da graça e após cruzamento de Clayson, Rossi se antecipou e estufou as redes, abrindo o placar para o Tricolor.

Olha ela aí de novo!
​Ao longo de todo primeiro tempo, a defesa do Vasco seguia batendo cabeça e dando muito espaço pelos lados para o Bahia construir jogadas de perigo. Na parte ofensiva, Benítez fazia muita falta no meio-campo e o Gigante da Colina não conseguia reagir. Até que Ernando teve muita liberdade pela esquerda, avançou e tocou para trás para o centroavante Gilberto soltar a bomba e ampliar o marcador.

Mais uma falha de Pikachu
​Ainda no primeiro tempo, o Bahia continuava a ter muita liberdade e avançava com tranquilidade. Aos 33, Rossi invadiu a área, e só teve o trabalho de rolar a bola para Juninho, que isolou e perdeu um gol incrível. No fim, Pikachu, em noite desastrosa, cortou um cruzamento de cabeça e entregou no pé de Clayson, que dominou, bateu no canto, e fez mais um para o Bahia ainda no primeiro tempo.

Vasco tenta reagir, mas Bruno Gomes é expulso
Na etapa final, o técnico Ramon Menezes fez um pacote de substituições para tentar injetar ânimo no time e tentar correr atrás do resultado. Diante disso, o Vasco melhorou no jogo e foi ao ataque na base da transpiração, mais por dentro, povoando o meio-campo. Aos 12, Felipe Bastos mandou um balaço e a bola passou muito perto. Contudo, o meio-campista Bruno Gomes tomou o segundo cartão amarelo e foi expulso.

Na parte final do jogo, o Vasco tentou, mas não teve poder de reação, ainda mais com menos um em campo. A equipe que iniciou muito bem o campeonato, perdeu o rumo e já não vence há 4 partidas na competição. Após a expulsão, a equipe não teve mais força para tentar descontar e o Bahia segurou o resultado até o fim.

BAHIA 3x0 VASCO

Data-Hora: 07-10-20 - 19h15
Local: Pituaçu, Salvador (BA)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Dias (RS)
Assistentes: Lucio Beiersdorf Flor (RS) e Andre da Silva Bitencourt (RS)
Árbitro de vídeo: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Cartões amarelos: Gregore, Rossi, Ramon (BAH), Bruno Gomes (VAS)
Cartões vermelhos: Bruno Gomes (VAS)
GOL: Rossi, 9º/1T (1-0), Gilberto, 31º/1T (2-0), Clayson, 45º/1T (3-0)

BAHIA: Douglas Friedrich; Ernando, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore (Ramon 24º/2T), Elias e Daniel (Ronaldo 20º/2T); Clayson (Fessin 30º/2T), Rossi (Elber 20º/2T) e Gilberto (Saldanha 30º/2T). Técnico: Mano Menezes.

VASCO: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Ricardo Graça (Miranda 29º/1T), Leandro Castan e Henrique; Bruno Gomes, Fellipe Bastos e Marcos Junior (Carlinhos - intervalo); Vinícius (Cayo Tenório - intervalo), Cano (Ygor Catatau 37º/2T) e Talles Magno (Gabriel Pec - intervalo). Técnico: Ramon Menezes.

Quem é Fernando? Jogador está no centro da prisão de amigo na Rússia

Últimas