Tabu em jogo: Roger Machado tem retrospecto ruim contra o Palmeiras

Com passagens pelo Grêmio e Atlético-MG, o treinador do Bahia não vence o Verdão desde 2015

Lance

Lance

Lance

Na noite de sábado, o Bahia tenta amenizar a pressão que a equipe vive em duelo contra o Palmeiras, rival que parece começar a se ajeitar após a conquista do título do Paulistão.

Sem vencer nas últimas duas rodadas, o Tricolor caiu para o 8º lugar e precisa dar uma resposta ao seu torcedor, que nesta semana compareceu ao CT para cobrar elenco e técnico Roger Machado.

Por falar no comandante da equipe, Roger sabe que precisa entregar boas atuações e triunfos. Para entender um pouco da pressão, na coletiva do título estadual, o treinador admitiu que poderia ter perdido o emprego em caso de insucesso.

Tabu contra o ex

Neste fim de semana, em meio a toda a crise interna, Roger terá pela frente o Palmeiras, clube que dirigiu na temporada 2018 e saiu sem deixar muita saudade.

Para completar ainda mais o cenário turbulento, o treinador não costuma ter muita sorte diante do ex-clube. Em sete jogos, apenas uma vitória e justamente no primeiro confronto, que aconteceu na temporada 2015.

Desde então, nos outros seis jogos, Roger Machado colecionou duas derrotas e quatro empates. No comando do Esquadrão de Aço, a equipe conseguiu dois empates no Brasileirão do ano passado.

Confira o desempenho de Roger Machado contra o Palmeiras:

Grêmio 1 x 0 Palmeiras
Palmeiras 3 x 2 Grêmio
Palmeiras 4 x 3 Grêmio
Grêmio 0 x 0 Palmeiras
Palmeiras 0 x 0 Atlético-MG
Palmeiras 2 x 2 Bahia
Bahia 1 x 1 Palmeiras