Super Bowl LIV: Andy Reid prega respeito por Jimmy Garoppolo

O técnico do Kansas City Chiefs não menospreza o quarterback do San Francisco 49ers e diz que seus baixos números passando a bola se devem a uma opção tática dos rivais

Lance

Lance

Lance

No próximo domingo será jogado o Super Bowl LIV em Miami, no estado americano da Flórida. A grande final da temporada da NFL será disputada entre o Kansas City Chiefs e o San Francisco 49ers. Na manhã desta quinta houve uma coletiva de imprensa com o técnico do Kansas City Chiefs, Andy Reid. Entre outros temas, ele falou que não subestima Jimmy Garoppolo por seus baixos números passando a bola, segundo ele isso se deve a uma opção tática do time de San Francisco. Veja a declaração do técnico:

- Eu o respeito muito. Sobre Jimmy, eles decidiram como um time que devem correr bastante com a bola, mas se você olhar os números de Jimmy, sua porcentagem de acerto e todas estatísticas sobre ele, você percebe que ele é um grande quarterback passando a bola. Disse o técnico Andy Reid na entrevista coletiva.

Os questionamentos sobre a capacidade de passar a bola do quarterback do 49ers existem porque o seu time chegou ao Super Bowl impulsionado por uma defesa dominante e um jogo corrido muito forte. Enquanto isso Jimmy Garoppolo vai ao Super Bowl tendo passado para apenas 208 jardas nos dois jogos disputados nos playoffs, a pior marca de um quarterback finalista desde a temporada de 1988. Mas nem por isso o técnico do Kansas City Chiefs vai deixar de preparar o seu time para parar o quarterback adversário, ou menosprezar a capacidade do jogador de chamar a responsabilidade caso seja necessário. O técnico de Kansas City ainda falou sobre como seu time está se preparando para a partida:

- Quando você joga contra os 49ers, você deve se preparar para um jogo completo, tanto o jogo corrido, quanto o jogo passado deles. Você tem que estar preparado para jogar os quatro quartos e é assim que estamos nos preparando. Nós amamos o desafio, então não é sobre ficar ansioso, é sobre amar a oportunidade de jogar contra um grande time, em uma grande situação. É para isso que fazemos o que fazemos e essa é a parte mais empolgante no nosso trabalho. Completou o técnico de Kansas City.

O Super Bowl será disputado no domingo, às 20:30 do horário de Brasília.