Lance Pela camisa e pela honra: Vasco busca fim digno na última rodada

Pela camisa e pela honra: Vasco busca fim digno na última rodada

Diante do Goiás, Cruz-Maltino tem chances extremamente remotas de permanecer na primeira divisão, mas precisa dar resposta à más atuações e ao iminente rebaixamento

Lance
Lance

Lance

Lance

A salvação depende de um milagre que nem o time, nem a diretoria, nem grande parte da torcida contam. Mas o Vasco entra em campo nesta quinta-feira, contra o Goiás, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, com a obrigação de honrar a camisa cruz-maltina. E querendo dar um fim digno à má fase que levou o time à atual situação.

Já são sete jogos. Mais de um mês desde o 3 a 2 sobre o Atlético-MG, última vitória vascaína. No mesmo São Januário, palco do duelo desta quinta, o dono da casa marcou dois gols no mesmo jogo pela última vez. Hoje, para permanecer na primeira divisão, vai precisar, provavelmente, de um placar elástico.

Na verdade, faz cinco partidas que o Vasco não faz nem um gol. Nem mesmo o artilheiro Cano tem dado jeito. Esse é mais um que, certamente, vai querer acabar com o jejum de sete jogos sem comemorar as bolas que ele mesmo empurra para a rede.

-> Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

E a defesa? Apesar de não ter sido vazada na última partida, contra o Corinthians, é a quarta pior do campeonato. Quarta pior. Mesma colocação na classificação em ordem tradicional, por pontos. E pode até piorar. Derrota para o Goiás fará o Gigante da Colina terminar em 18º.

Se não for possível ficar na elite, uma atuação digna e uma vitória são o mínimo que a torcida merece.

Últimas