Lance Marquinhos Santos revela conversa no intervalo para a virada histórica do América-MG na Libertadores

Marquinhos Santos revela conversa no intervalo para a virada histórica do América-MG na Libertadores

Clube mineiro perdia por 2 a 0, virou a partida e conseguiu a classificação nos pênaltis

Lance
  • Lance | por Lance


O América-MG protagonizou uma noite história nesta quarta-feira ao conseguir a classificação para a próxima fase da Libertadores ao vencer o Guaraní-PAR nos pênaltis após vitória por 3 a 2 no tempo normal (perdia o jogo por 2 a 0). Depois da partida, o técnico do Coelho, Marquinhos Santos, explicou como foi a conversa no vestiário para o time ir buscar a virada.

- No vestiário percebi meus atletas cabisbaixos. Fiz algumas correções táticas, de posicionamento, mas encorajei para que antes de pensar no terceiro gol, era para fazer o primeiro... o primeiro nos colocaria no jogo. Assim foi feito: correção tática de posicionamento e muita positividade. Acreditar que era possível virar esse jogo - contou o treinador, que acredita que não errou na escalação inicial do jogo:

- Não acredito (que entrei com a escalação errada). Até porque fizemos um grande jogo em Belo Horizonte. Não teria por que mexer. O gol que sofremos aos 46 é oriundo do que é a Libertadores, mas os números apresentaram isso. Se mexer muito, acaba perdendo o padrão de jogo.

Marquinhos Santos falou que a derrota pode trazer liões para o América-MG na busca pela classificação

Marquinhos Santos falou que a derrota pode trazer liões para o América-MG na busca pela classificação

Lance

Marquinhos Santos explica conversa no vestiário (Mourão Panda/America-MG)

Últimas