Lance Lembre números de Gabriel Félix, que estreou justamente contra o Santos

Lembre números de Gabriel Félix, que estreou justamente contra o Santos

Na Vila Belmiro, em 2017, o Cruz-Maltino venceu de virada, mas o goleiro precisou ser substituído antes com câimbras. Foi a última vitória vascaína no estado de São Paulo

Na Vila Belmiro, em 2017, o Cruz-Maltino venceu de virada, mas o goleiro precisou ser substituído antes com câimbras. Foi a última vitória vascaína no estado de São Paulo

Lance

Lance

Lance

Dia 8 de novembro de 2017. Gabriel Félix entrava em campo pela primeira vez como jogador profissional. A noite inesquecível para o goleiro do Vasco foi também a última vez que o Cruz-Maltino venceu jogando no Estado de São Paulo. É este o cenário para o recomeço do dono da meta visto o desfalque de Fernando Miguel.

Aquela partida foi vencida de virada: na reta final do jogo, Evander e Nenê garantiram o triunfo, após Ricardo Oliveira abrir o placar. Mas Félix não ficaria em campo até o final. Coisa rara para goleiro, sentiu fortes câimbras e precisou ser substituído aos 16 minutos do segundo tempo.

Naquela época, ele aproveitava ausência de Martin Silva, então titular. Atuou também nos dois jogos subsequentes, contra Atlético-MG e São Paulo, ambos em São Januário. Dois empates em 1 a 1. Logo, foram três jogos e dois gols sofridos dois anos atrás.

Na temporada passada foram quatro partidas pelo Vasco: derrota por 2 a 1 para a Cabofriense, revés para a Portuguesa-RJ por 1 a 0; vitória por 3 a 1 sobre o Madureira e derrota por 3 a 2 para o Botafogo. Deste modo, sete gols sofridos em quatro partidas.

Em seguida, foi um dos personagens de uma foto com comentários polêmicos em meio a um momento turbulento dentro e fora de campo. Jogadores como Evander, Wellington e Rafael Galhardo aos poucos foram tendo espaço reduzido e negociados. Gabriel Félix foi emprestado ao Fortaleza e foi reserva na campanha do acesso à Série A no Campeonato Brasileiro.

Atuou em três jogos da Copa Fares Lopes e na partida derradeira da Série B do Campeonato Brasileiro. Foram duas vitórias e duas derrotas, com um total de quatro gols sofridos.