Futebol Rafinha desembarca no Rio e fala de reuniões marcadas com o Flamengo: 'Não tem nada decidido ainda'

Rafinha desembarca no Rio e fala de reuniões marcadas com o Flamengo: 'Não tem nada decidido ainda'

Aos 35 anos, lateral-direito tende a dar preferência ao Rubro-Negro nesta decidida volta ao futebol brasileiro: 'Todo mundo sabe do carinho que tenho pelo Flamengo'

Lance
Lance

Lance

Lance

Na semana passada, Rafinha rescindiu com o Olympiacos e, no começo desta, mais precisamente na manhã desta segunda-feira, conforme o LANCE! havia informado inicialmente, chegou ao Brasil. O lateral-direito de 35 anos desembarcou no Rio de Janeiro e falou com repórteres no saguão do Aeroporto Internacional Tom Jobim, quando afirmou que não irá se precipitar e que ainda conversará com o Flamengo, interessado em seu retorno ao clube.

- Eu sempre deixei claro, todo mundo sabe o carinho que eu tenho pelo Flamengo. Mas não vou me precipitar, cheguei agora. Vou sentar com eles essa semana, matar saudade da minha família. Essa semana a gente senta com calma e conversa - disse Rafinha, emendando a respeito da saudade de atuar no Maracanã lotado por rubro-negros:

- Quem não tem essa saudade? Saudade muito grande, tomara que isso acabe rápido e a torcida do Flamengo possa voltar ao Maracanã. Mas é cedo ainda, não vou me precipitar, falar nada, não. Porque tem tempo ainda. Vamos conversar, mas não tem nada decidido ainda.

Apesar de Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Fla, ter despistado o interesse - em contato ao L! - ao dizer "temos lateral", o Rubro-Negro já apresentou condições contratuais a Rafinha, por telefone, nos últimos dias. Agora no Brasil, a tendência é que as tratativas acelerem, visando ao acerto para a temporada 2021.

Rafinha tem outros clubes interessados em seu futebol, como o Atlético-MG, mas a nossa reportagem apurou que o lateral dará prioridade ao Flamengo nesta já decidida volta ao futebol brasileiro - por questões familiares e de saudade em atuar no solo nacional, segundo informara a sua assessoria de imprensa, na semana passada.

Últimas