Futebol Por atraso de salários, jogadores do Fluminense retomam paralisação

Por atraso de salários, jogadores do Fluminense retomam paralisação

Atletas já haviam feito um protesto semelhante há algumas semanas; Tricolor deve 3 meses de vencimentos, além do direito de imagem

fluminense, greve

Fluminense está com salários atrasados

Fluminense está com salários atrasados

LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.

Os jogadores do Fluminense voltaram a fazer uma paralisação como forma de protesto em razão de salários atrasados. Nesta sexta-feira (15), os atletas se reuniram no CT e decidiram não participar do treinamento.

A atividade marcada para este sábado está mantida e passou para a parte da tarde. O Flu se prepara para o clássico contra o Botafogo, no domingo (17).

Atualmente, o Tricolor está devendo, pela CLT, 13º e férias de 2018 e janeiro e fevereiro de 2019 (excluindo janeiro dos reforços), além dos direitos de imagem de novembro e dezembro de 2018 e janeiro de 2019 (excluindo janeiro dos reforços). Vale lembrar que esse segundo caso apenas alguns jogadores recebem.

No dia 19 de fevereiro, os jogadores também fizeram um protesto, ficando sem treinar por um dia. A folha salarial do futebol é de cerca de R$ 4 milhões.

COSME RÍMOLI: Contratação de Ganso foi a gota d'água. Greve no Fluminense

Negócio fechado! Veja as contratações do mercado da bola