Kaio estreia como titular no Santos e Jesualdo vê talento da base como decisivo no ano

Menino da Vila atuou pelo lado esquerdo do ataque, mas sofreu uma entorse no pé e deixou o gramado no intervalo. Camisa 19 será reavaliado nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé

Lance

Lance

Lance

O atacante Kaio Jorge estreou como titular no profissional do Santos no empate em 0 a 0 com o RB Bragantino, na última quinta-feira, na Vila Belmiro, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.

Porém, sua presença em campo durou apenas 45 minutos. O treinador Jesualdo Ferreira explicou que o atacante teve uma entorse no pé e, por isso, foi substituído por Raniel. O Menino da Vila será reavaliado nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé.

Centroavante de origem, Kaio Jorge foi utilizado pelo lado esquerdo perto da linha lateral e dando suporte a Eduardo Sasha, mais centralizado. À pedido do comandante português, o atleta tentava criar jogadas de triangulações com Diego Pituca e Felipe Jonatan.

- O Kaio Jorge jogou hoje mais pelo corredor, na justificativa de aparecer como segundo ponta. Marinho mais aberto. São dois jogadores mais abertos, suportados por um trio. É um triângulo que vamos criar vários, não há alternativa no futebol, isso é o mais importante. O Kaio teve um problema de entorse no pé, acabou saindo por isso. A tentativa de colocar um central não resultou, aí voltamos ao 4-3-3, que garantiu mais consistência - comentou Jesualdo, na Vila Belmiro, após o empate com o RB Bragantino.

Mais que isso, o Menino da Vila ganhou a concorrência dos demais atacantes para substituir Soteldo, convocado pela seleção venezuelana sub-23 para a disputa do Pré-Olímpico, na Colômbia. Se sua equipe chegar até a final da competição, o camisa 10 pode perder até os cinco primeiros jogos do Paulistão.

Jesualdo acredita que o talento dos Meninos da Vila pode ser decisivo durante o ano 'se entenderem melhor o que é o jogo coletivo'.

- O elenco do Santos tem muitos jovens. Aliás, tem mais jogadores jovens na linha de frente, do que tem para trás. É uma riqueza do clube. Mas, como são jovens, nem sempre as coisas saem como se espera. Quando a presença é mais constante, quando eles percebem melhor o que é o jogo coletivo, o talento deles acaba decidindo partidas. Nós, como vocês viram em termos defensivos, conseguimos resolver os problemas em alguns momentos. Mas eles puderam marcar em dois momentos - comentou o técnico.

Kaio Jorge subiu ao profissional do Santos com Cuca, em 2018, mas só teve uma oportunidade pelo imbróglio de sua renovação. Depois de acertar seu novo vínculo, fez mais sete partidas com Sampaoli, mas não sem empolgar.

Mais maduro e campeão mundial sub-17 com o Brasil, Kaio pode voltar a ser titular contra o Guarani, nesta segunda-feira, às 20h, em Campinas, pela segunda rodada do Paulista.