Jogadores do Flamengo mantêm rotina de treino mesmo em casa

Jogadores tem usado redes sociais para conscientizar população enquanto dão sequência às atividades, orientados pelo departamento do clube

As atividades no Ninho do Urubu estão suspensas

As atividades no Ninho do Urubu estão suspensas

Alexandre Vidal/Flamengo

Com a suspensão dos jogos pelas próximas duas semanas e das atividades no Ninho do Urubu, os jogadores do Flamengo estão orientados a permanecerem em casa por causa de pandemia do coronavírus. Porém, dentro das possibilidades, os atletas seguem ativos, buscando manter a forma física com treinos em casa, sempre em contato e orientado pelo departamento médico do Rubro-Negro..

O atacante Orlando Berrío foi um dos atletas que, por meio das redes sociais, compartilhou um vídeo no qual faz exercícios, acompanhada de sua pequena filha - confira mais abaixo. Arrascaeta, com um personal trainer, fez o mesmo.

A princípio, os treinos do time profissional e das categorias de base estão suspensos até a próxima segunda. O departamento de futebol, contudo, acompanha o noticiário sobre a pandemia e as orientações das autoridades. Portanto, a suspensão das atividades no Ninho do Urubu pode ser estendida.

Em meio à quarentena imposta pela pandemia, os jogadores também estão usando os seus canais de comunicação para reforçar as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS). O meia Diego, por exemplo, fez uma "live" em seu Instagram com o Doutor Márcio Tannure.

veja mais: Flamengo vive jejum de mais de 18 meses sem fazer gol de falta

Por cerca de 30 minutos, o chefe do departamento médico tirou dúvidas e conversou com o camisa 10 sobre as prevenções que a população deve tomar.

Durante a transmissão, o meia Diego aproveitou para mandar uma mensagem de apoio ao técnico Jorge Jesus, com quem ele esteve em contato na terça-feira.

Em isolamento em sua casa, o treinador do Flamengo aguarda o resultado do teste após os dois exames terem dado resultado positivo fraco ou inconclusivo.

Veja mais: Bruno Henrique desabafa sobre CNH falsa: 'Nada vai me abalar'

- Está muito bem, sempre com a preocupação de repassar boas informações. Tenho respeito e admiração muito grande não só pelo profissional, mas pelo ser humano. Sempre esteve de corpo e alma com todos nós. Não vai faltar para ele apoio e carinho. É um cara que se cuida, em breve estará de volta. Até lá, vamos fazer o que for necessário para superar tudo isso - disse o meia Diego.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Nada de folga! Coronavírus obriga jogadores treinar em casa