Futebol João Gomes pode aumentar a lista: veja promessas da base negociadas pelo Flamengo em 2021

João Gomes pode aumentar a lista: veja promessas da base negociadas pelo Flamengo em 2021

No ano, a diretoria do Rubro-Negro Carioca já negociou 12 jogadores da categoria de base do clube; João Gomes pode ser negociado com o Al Ain, dos Emirados Árabes

Lance
Lance

Lance

Lance

O volante João Gomes pode ser mais um jogador formado na base do Flamengo a deixar o clube. Na última semana, o Rubro-Negro recebeu uma proposta do Al Ain, dos Emirados Árabes, e o jogador pode estar de saída do time que o revelou para o futebol. Por isso, a seguir, o LANCE! relembra jogadores da base que foram negociados recentemente pelo Fla.

> ATUAÇÕES: Gabi comanda vitória do Fla sobre o Santos e recebe a maior nota

A mais recente venda foi de Klebinho, que rescindiu com o Flamengo para fechar com o Guayaquil City, do Equador, até dezembro de 2022 - na negociação, o clube carioca manteve uma parte dos direitos econômicos. O jogador foi revelado na base rubro-negra e teve algumas oportunidades na equipe profissional em 2018 e 2019.

Entre 2019 e 2020, o lateral-direito foi emprestado ao Tokyo Verdy, do Japão. Por lá, disputou 31 partidas, não marcou gols, mas contribuiu com quatro assistências. Antes de ser negociado para o time equatoriano, Klebinho teve uma rápida passagem, também por empréstimo, pelo Cruzeiro. Hoje, o Flamengo conta com Isla, Matheuzinho e Rodinei para a posição.

Klebinho - Flamengo

Klebinho - Flamengo

Lance

Klebinho não se firmou no Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

> Com Andreas, Flamengo já tem 20 jogadores que fizeram gols na temporada

> Veja a tabela do Campeonato Brasileiro

Ainda em janeiro deste ano, o Flamengo vendeu Yuri César ao para o Shabab Al Ahli Club, dos Emirados Árabes. Com a transação, o Rubro-Negro recebeu cerca de R$ 31 milhões.

Vale lembrar que Yuri César estava no Fortaleza, onde chegou por empréstimo em março de 2020. Assim, a diretoria do Leão do Pici informou que o clube cearense recebeu R$ 1,15 milhão pela venda do atacante.

Yuri César - Fortaleza

Yuri César - Fortaleza

Lance

Antes de ser negociado com o Shabab Al Ahli Club, Yuri César foi emprestado ao Fortaleza (Foto: Bruno Oliveira/Fortaleza EC)

No mesmo mês, o Flamengo acertou a venda do atacante Lincoln para o Vissel Kobe, do Japão. Com a negociação, o Rubro-Negro receberá 3 milhões de dólares (cerca de R$ 15,6 milhões na cotação da época), em parcelas a serem depositadas ao longo de 2021.

Com um contrato de três anos e opção de extensão por mais um, o Vissel Kobe adquire 75% dos direitos econômicos do atleta. Vale lembrar que, inicialmente, a oferta japonesa foi pelo empréstimo do atacante, mas Lincoln foi negociado em definitivo.

Lincoln foi formado nas divisões de base do Rubro-Negro e tinha contrato válido até dezembro de 2023. Na equipe profissional do Flamengo desde 2017, o centroavante já disputou 64 partidas e marcou oito gols pelo Rubro-Negro. No entanto, ele perdeu espaço no elenco profissional nas últimas semanas de 2020 e, mais recentemente, não fazia mais parte dos planos do clube.

Lincoln

Lincoln

Lance

Lincoln joga no futebol japonês (Foto: DELMIRO JUNIOR/PHOTO PREMIUM)

Em fevereiro, o Flamengo emprestou o meia-atacante Bill ao nipro-1, da Ucrânia. O vínculo é por uma temporada, mas o clube, no site oficial, confirmou que existe uma opção de compra definida.

Segundo o jornal "O Dia" reportou na época, a opção de compra estabelecida por ambas as partes equivale a 1 milhão de euros (cerca de R$ 6,6 milhões, na cotação de quando o acordo foi firmado).

Uma das principais promessas recente da base, Bill chegou ao Flamengo após se destacar pelo Nova Iguaçu e tem, ao todo, 62 gols em 187 partidas pelo clube - um gol e três jogos pelo time profissional. Campeão da Copa São Paulo em 2018, o atacante disputou a Série B do Brasileiro de 2019 pela Ponte Preta e, em 2020, esteve cedido ao CRB, onde teve uma passagem apagada e uma saída conturbada.

Bill

Bill

Lance

Bill defende as cores do Sport Club Dnipro-1 (Foto: Divulgação)

Em março, foi a vez do zagueiro Natan se despedir do Flamengo. O defensor chegou por empréstimo válido até janeiro de 2022, com cláusula que obriga o Braga a exercer a opção de compra do jogador caso o mesmo atue em um número mínimo de jogos. Ao todo, a transação pode render R$ 27 milhões aos cofres do Flamengo.

De imediato, o clube recebeu R$ 5 milhões pelo empréstimo de Natan até dezembro. Ao fim da cessão, o Red Bull Bragantino terá que desembolsar mais R$ 22 milhões para contratá-lo em definitivo. No entanto, a negociação, que envolveu três times, foi complexa. Abaixo, o L! explica.

Os direitos de Natan são divididos entre Flamengo, que tem 60%, e Porto Vitória, clube do Espírito Santo que detém os outros 40%. Na negociação, o Rubro-Negro receberá uma fatia de 22% da equipe capixaba antes de vender 70% para o Red Bull Bragantino.

Dessa forma, ao fim da transferência em dezembro de 2021, o Flamengo manterá 12% dos direitos de Natan, o Porto Vitória ficará com 18% e o RB Bragantino será o detentor dos 70% restantes. Os detalhes da divisão dos direitos econômicos foram divulgados inicialmente pelo jornalista Venê Casagrande, do jornal "O Dia".

Flamengo x Fluminense - Natan

Flamengo x Fluminense - Natan

Lance

Natan foi negociado com o Red Bull Bragantino (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Em abril, foi a vez de Pepê deixar o Flamengo para acertar com o Cuiabá por três anos. Revelado nas categorias de base do Rubro-Negro, o meio-campista ainda tinha mais dois meses de contrato com o clube carioca, que permaneceu com 20% dos direitos econômicos.

Em 2020, Pepê ganhou chances em sequência a partir de novembro, com a chegada de Ceni, participando de dez rodadas na reta final do Brasileiro. No início desta temporada, ele foi titular nas cinco partidas do Campeonato Carioca, período no qual o Rubro-Negro atuou com um time alternativo comandada por Maurício Souza, do time sub-20.

Ainda vale lembrar que em dezembro do ano passado, o meia teve o vínculo renovado - se encerrava na virada para 2021 - até junho deste ano. Uma nova extensão foi estudada, mas a pauta não avançou. Pepê também esteve perto de deixar a Gávea rumo ao Botafogo em 2020, mas negócio travado pela rivalidade na última hora.

Novo uniforme do Cuiabá

Novo uniforme do Cuiabá

Lance

Pepê foi o modelo de lançamento do novo uniforme do Cuiabá (Foto: Divulgação/Cuiabá)

Outro jogador a deixar o Flamengo para acertar com o Cuiabá foi o lateral João Lucas. Em maio, o jogador foi emprestado pelo Rubro-Negro ao Dourado até o fim de 2021 para a disputa do Campeonato Brasileiro.

João Lucas foi contratado pelo Flamengo após se destacar pelo Bangu no Carioca de 2019. No Rubro-Negro, ele fez parte do elenco campeão da Libertadores em 2019 e do Brasileirão em 2019 e 2020, além da Recopa Sul-Americana, da Supercopa do Brasil 2020 e do Carioca em 2020.

No contrato de empréstimo, ficou acordado que o Cuiabá arcará integralmente com os salários do lateral-direito, mas não terá opção de compra. Para concretizar a negociação e não correr o risco de perder o jogador de graça, o Flamengo estendeu o contrato com João Lucas até junho de 2022.

João Lucas - Cuiabá

João Lucas - Cuiabá

Lance

João Lucas é reforço do Cuiabá para a temporada (Foto: Divulgação/Cuiabá)

Em junho, o Flamengo oficializou o empréstimo de Richard Rios ao Mazatlán, da primeira divisão mexicana. O volante colombiano, que passou pelas divisões de base do Ninho do Urubu, assinou vínculo com o clube até 30 de junho de 2022. Assim, ele prorrogou seu contrato com o Rubro-Negro até junho de 2023.

Richard chegou ao Flamengo em 2019 após chamar a atenção pela seleção de futsal da Colômbia. O jovem meio-campista se adaptou rapidamente ao campo e, na temporada passada e na atual, participou da conquista do Campeonato Carioca sub-20. Fora isso, ele foi campeão do Estadual, do Brasileiro, do OPG e da Supercopa em 2019.

Com a idade estourada para jogar no time sub-20, Richard atuou em quatro partidas nesta temporada, todas pelo Estadual. Além disso, ele vinha com pouco espaço - o último jogo ocorreu no dia 27 de março e por poucos minutos na reta final.

Richard Rios e Mateus Lima

Richard Rios e Mateus Lima

Lance

Richard Ríos teve poucas oportunidades nesta temporada (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

No mesmo mês, apenas dois dias depois, Montpellier anunciou o zagueiro Thuler, ex-Flamengo, como reforço para a temporada 2021/22. O jogador chega ao clube francês por empréstimo e assina por um ano. Há uma opção de compra após este período, avaliada em 2,5 milhões de euros (cerca de R$ 14,6 milhões na cotação da época). De imediato, o time da Gávea recebeu 200 mil euros pelo acordo (R$ 1,1 milhão, também na cotação da época).

O zagueiro, vale lembrar, tem vínculo com o Flamengo até dezembro de 2024. Cria do Ninho, Thuler estreou entre os profissionais em 2017 e viveu o melhor momento no clube em 2019, com 17 partidas, participando das conquistas da Libertadores e do Brasileirão. Entretanto, ele perdeu espaço e não atuava desde novembro de 2020.

Montpellier x Olympique de Marselha - Payet e Matheus Thuler

Montpellier x Olympique de Marselha - Payet e Matheus Thuler

Lance

Thuler marca Payet em jogo do Montpellier contra o Olympique de Marselha (Foto: PASCAL GUYOT / AFP)

Em julho, foi a vez de Ronaldo se despedir do Flamengo. Revelado pelo clube em 2015, o volante estava fora dos planos do até então técnico Rogério Ceni, ele assinou com Shimizu S-Pulse, do Japão. Como o contrato com o Rubro-Negro expirou, o clube não recebeu pela transferência.

Vale lembrar que o Fluminense chegou a apresentar uma proposta ao jogador e quase conseguiu fechar o contrato, mas a oferta do clube japonês foi maior. Em março, o Cruzeiro também demonstrou interesse por Ronaldo, que tentou uma rescisão amigável com o Flamengo, porém sem sucesso.

Flamengo - Ronaldo

Flamengo - Ronaldo

Lance

Ronaldo estava fora dos planos do técnico Rogério Ceni (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Em julho, o Flamengo finalizou a operação para a transferência de Hugo Moura ao Lugano, da Suíça. No acordo, estava previsto o empréstimo do volante por um ano, sem compensação financeira, e com opção de compra estabelecida no contrato.

A contratação de Hugo Moura, inclusive, foi um pedido do técnico Abel Braga, que está no Lugano desde junho. O treinador trabalhou com o volante em 2019, nos tempos de Flamengo, e foi ele justamente quem promoveu o jogador aos profissionais.

No ano passado, ele esteve cedido ao Coritiba e, apesar do rebaixamento, foi um dos destaques da equipe no Campeonato Brasileiro. Com 23 anos, Hugo Moura tem contrato com o Rubro-Negro até dezembro de 2023. Na temporada atual, ele soma 20 partidas e um gol marcado, no clássico contra o Botafogo pela Taça Guanabara.

Botafogo x Flamengo - Hugo Moura

Botafogo x Flamengo - Hugo Moura

Lance

Hugo Moura é cria da base do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Em agosto, o Fulham, time da segunda divisão inglesa, oficializou a compra de Rodrigo Muniz, ex-Flamengo. Na negociação, o Rubro-Negro, que não divulgou números oficiais da transação, manteve 25% dos direitos do jogador, vendido por 8 milhões de euros (cerca de R$ 50 milhões na cotação da época).

O pagamento, vale destacar, será realizado em duas parcelas de 4 milhões de euros: uma em 2021, e a segunda, em 2022. Artilheiro de diversos torneios nas divisões de base, Rodrigo Muniz passou a receber oportunidades na equipe principal do Flamengo em 2020, e correspondeu à altura. Em 32 partidas - sendo dez como titular - o atacante marcou dez gols.

Como um "Garoto do Ninho", o atacante ainda conquistou o Campeonato Brasileiro Sub-20 e a Supercopa do Brasil Sub-20, em 2019. Além disso, faturou a Copa do Brasil Sub-17, em 2018.

Rodrigo Muniz - Fulham

Rodrigo Muniz - Fulham

Lance

Rodrigo Muniz é reforço do Fulham (Foto: Divulgação/Fulham)

Últimas