Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Estrela de Ruan Oliveira brilha, e Corinthians se salva de vexame em casa, contra o Cuiabá

Depois de três anos e três cirurgias, o meia entrou no segundo tempo para evitar a derrota corintiana

Futebol|Do R7


Lance
Corinthians chegou ao seu terceiro jogo consecutivo sem vitória (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)

O dia 26 de agosto de 2020 marcava o início de um pesadelo na vida de Ruan Oliveira, que sofreu uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo. Isso por si só é terrível na vida de um jogador. Mas mal sabia ele que teria que passar por três cirurgias e ficaria quase três anos sem jogar. Mas os dias ruins trouxeram o meio-campista, formado nas categorias de base corintiana, ao dia 10 de junho de 2023, quando ele retornou a jogar, entrou no segundo tempo e foi o autor do gol de empate do Corinthians em 1 a 1 com o Cuiabá, pela décima rodada do Brasileirão.

Após a eliminação na Libertadores, ao perder para o Independiente del Valle, do Equador, na última quarta-feira (7), a Fiel estava tensa e bastante insatisfeita. Tanto que na volta dos jogadores do Timão para o segundo tempo, houve gritos em protesto contra o elenco. A partida ainda estava empatada em 0 a 0 quando isso aconteceu. E logo no início da etapa final, tudo o que poderia piorar aconteceu: o Dourado abriu o placar com Deyverson, ‘ídolo’ do Palmeiras e com histórico de provocações ao Time do Povo.

+ Roger Guedes se aproxima da ponta: veja os maiores artilheiros da Neo Química Arena

Com o resultado, o Corinthians pode terminar a rodada na zona de rebaixamento, caso o América-MG, Goiás ou Vasco ganharem no fim da rodada. No caso do Cruz-Maltino, é necessário também tirar uma diferença no saldo de gols. Se as três equipes ultrapassarem o Timão, o clube alvinegro pode terminar a rodada até mesmo na vice-lanterna do Campeonato Brasileiro.

Publicidade

As duas equipes voltarão a jogar daqui a 11 e 12 dias, respectivamente. Os corintianos retornarão no clássico contra o Santos, na Vila Belmiro, no dia 21. Já o Dourado, enfrentará o Botafogo, em casa, no dia 22.

RENATO AUGUSTO SENTE A PANTURRILHA

Publicidade

O técnico Vanderlei Luxemburgo trouxe o Corinthians com algumas mudanças em relação ao que vinha adotando nas últimas partidas, principalmente a derrota para o Independiente del Valle, na última quarta-feira (7), que concretizou a eliminação corintiana na Libertadores. O treinador retomou o esquema defensivo com quatro atletas, usando o zagueiro Bruno Méndez como lateral pela direita. Yuri Alberto, que vive uma seca de nove jogos sem marcar, foi para o banco de reservas, com Róger Guedes atuando como centroavante. E a principal aposta de Luxa foi promover as entradas dos garotos Biro e Pedro, com cada um atuando por uma ponta.

E a etapa inicial na Neo Química Arena foi bastante morna, com apenas uma grande chance de gols de cada lado. O Cuiabá foi levemente melhor, pois teve mais volume durante um período, mas isso rapidamente foi controlado com o acerto da marcação corintiana. Denílson, em cobrança de falta, fez Cássio trabalhar. Já Biro, o melhor atleta do Timão no primeiro tempo, foi para cima e tentou uma finalização com perigo já nos acréscimos da etapa inicial.

Publicidade

E o grande problema corintiano no primeiro tempo para o Corinthians foi Renato Augusto voltando a sentir fisicamente. Diferentemente das duas lesões que o atleta teve na temporada, ambas no joelho direito, dessa vez o camisa 8 sentiu a panturrilha e começou o tratamento com gelo já no banco de reservas.

DEYVINHO ABRE O PLACAR

Na volta para o intervalo, Luxemburgo promoveu a entrada de Fagner pela lateral-direita. E foi justamente nas costas do jogador que o Cuiabá abriu o placar no início da etapa final. E justamente com Deyverson, atleta com forte identificação com o maior rival corintiano, o Palmeiras, e com histórico de provocações contra o Corinthians quando defendia a equipe alviverde. Pedro perdeu a bola no meio-campo, Rikelme recebeu com liberdade pelo lado esquerdo e cruzou no primeiro pau, onde apareceu o centroavante do Dourado para ganhar pelo alto da dupla de zaga do Timão, formada por Gil e Murillo.

RUAN OLIVEIRA HISTÓRICO

Após sofrer o gol, o Timão naturalmente passou a ter mais volume de jogo, mas não criava grandes chances. Foi quando o técnico Vanderlei Luxemburgo promoveu a entrada de Ruan Oliveira, Wesley e Yuri Alberto. E o gol de empate passou pelos três. Wesley foi para a cima da marcação, pela esquerda, cruzou, Yuri Alberto escorou de cabeça para trás e a bola sobrou para Ruan encher o pé e colocar no fundo da rede. Na sequência, o meio-campista quase virou o jogo para o Corinthians, quando finalizou de longa distância e mandou por cima, mas levando muito perigo.

+ Todos os jogos do Brasileirão você encontra no Prime Video. Assine já e acompanhe o seu time do coração!

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 1 X 1 CUIABÁ

CAMPEONATO BRASILEIRO - 10ª RODADA

Estádio: Neo Química Arena, São Paulo (SP)

Data e hora: 10 de junho de 2023, às 18h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Andre Luiz Skettino Policarpo Bento (MG)

​Auxiliares: Nailton Junior de Sousa Oliveira (FIFA/CE) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)

Árbitro de vídeo: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (FIFA/RN)

Público e renda: 40.512 pessoas / Renda: R$ 2.683.557,00

Cartões amarelos: Maycon e Ruan Oliveira (Corinthians); Denílson e Deyverson (Cuiabá)

Cartões vermelhos:

GOLS: 0-1 Deyverson (9'/1T); 1-1 Ruan Oliveira (35'/2T)

CORINTHIANS

Cássio; Bruno Méndez (Fagner, intervalo), Gil, Murillo e Matheus Bidu; Maycon, Biro (Wesley, 26'/2T), Fausto Vera (Ruan Oliveira, 26'/2T), Renato Augusto (Adson, 19'/1T) e Pedro (Yuri Alberto, 15'/2T); Róger Guedes. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

CUIABÁ

Walter; Matheus Alexandre, Alan Empereur, Allyson e Rikelme; Fernando Sobral, Filipe Augusto (Vitão, 32'/2T) e Denílson; Emerson Ramon (Nicolás Quagliata, 29/2T), Deyverson (Isidro Pitta, 32'/2T) e Welligton Silva. Técnico: António Oliveira.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.