Futebol Diniz testa mudanças no São Paulo antes de estreia no Brasileiro

Diniz testa mudanças no São Paulo antes de estreia no Brasileiro

Além de Liziero no lugar de Pato, técnico fez outras modificações nos treinos que antecedem partida contra o Goiás, neste domingo (9)

Lance
Liziero pode ser a novidade do São Paulo contra o Goiás

Liziero pode ser a novidade do São Paulo contra o Goiás

Divulgação/São Paulo FC

O São Paulo pode começar o Campeonato Brasileiro com Liziero no lugar de Alexandre Pato na equipe titular. Essa mudança foi testada por Fernando Diniz em mais de uma atividade após a queda no Paulistão para o Mirassol e tem chance de ser vista já no domingo, contra o Goiás, no Hailé Pinheiro, às 16h.

Um movimento óbvio gerado por esta modificação é no posicionamento de Pablo. Escolhido pelo treinador para herdar a vaga de Antony, vendido ao Ajax, o camisa 9 tem atuado aberto pela direita: guarda essa posição quando a equipe não tem a bola e tem liberdade para se movimentar na hora de atacar. É o melhor jogador da equipe após o retorno dos campeonatos, com três gols e uma assistência em dois jogos disputados. Ele passaria a atuar como homem de referência, um legítimo centroavante, função que é a sua preferida.

Se Diniz optar por manter o mesmo esquema tático, com dois atacantes abertos, o espaço deixado por Pablo do lado direito poderia ser ocupado por Igor Gomes, com Daniel Alves centralizado como meia, ou vice-versa.

Uma outra alternativa seria montar um 4-4-2, com o meio de campo formado por Tchê Tchê, Liziero, Daniel Alves e Igor Gomes. Neste caso, a dúvida seria quanto aos responsáveis por recuar para buscar a bola com o goleiro e os zagueiros: Daniel Alves e Tchê Tchê vinham fazendo muito bem essa função e, se forem mantidos com essa incumbência, caberia a Liziero (mais à esquerda) ajudar Igor Gomes (mais à direita) a armar. Mas pode ser que o próprio Liziero seja o homem da saída de bola, transformando Dani no parceiro de Igor na armação.

As dúvidas quanto ao posicionamento existem porque os treinos têm sido todos fechados para a imprensa, tanto em Cotia quanto na Barra Funda. Isso acontece em 100% das atividades desde o retorno do futebol após a pausa devido à pandemia.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Daniel Alves completa um ano de SP sem títulos, mas curtindo a vida

Últimas