Futebol CT, investimento e ajustes: John Textor chega ao Brasil para concretizar compra do Botafogo

CT, investimento e ajustes: John Textor chega ao Brasil para concretizar compra do Botafogo

Investidor desembarca em terras tupiniquins para assinar oferta vinculante à SAF do Botafogo; Espaço Lonier, CT do Glorioso, e pequenos ajustes no contrato serão conversados

Lance
Lance

Lance

Lance

A espera está acabando. John Textor desembarca no Brasil nesta sexta-feira e vai assinar uma oferta vinculante para comprar 90% da SAF (Sociedade Anônima do Futebol) do Botafogo nos próximos dias, assumindo o controle do departamento de futebol do Alvinegro.

+ Botafogo anuncia dois reforços: saiba as contratações, saídas e sondagens do clube

Entre CT e questões que envolvem o investimento a curto, médio e longo que serão feitos no Botafogo - como essa matéria explica melhor - Textor chega em terras tupiniquins para finalizar o acordo.

Atualmente, a negociação tem um pré-contrato não-vinculante em vigor. Essa é a 'primeira ligação oficial' entre Textor e Botafogo, mas sem firmar nada de forma concreta, apenas dando um 'sinal'. André Chame, porta-voz das negociações da SAF, afirmou que o americano é o único investidor que o clube conversa. A tendência é que tudo seja resolvido em 60 dias.

Por transformar o contrato em vinculante, a coisa muda de patamar. Textor vai, de fato, firmar um acordo com o Botafogo e se comprometer na compra da SAF. Para isso, o investidor ainda precisa esperar a votação do Conselho Deliberativo, que vai acontecer na semana que vem. Se aprovado, a transição para o novo modelo se iniciará.

O americano vai se encontrar com diretores do Botafogo, pessoas envolvidas no projeto da S/A e a diretoria da SAF nos próximos dias. A expectativa, claro, é que ele retorne aos Estados Unidos deixando um contrato firmado para comprar o Botafogo. A expectativa no Glorioso para isso é alta.

MOTIVO DA VINDA
John Textor vem conversando com os responsáveis do Botafogo por meio de videoconferências desde o ano passado. O empresário, contudo, quer que o ato da "assinatura final" ocorra pessoalmente, além de também ter o desejo de discutir ajustes finais do contrato cara a cara.

+ Sem resposta em negociação com o Botafogo, Barreto vai se reapresentar ao Criciúma à espera de definição

O principal ponto passa pelo CT do Botafogo, o Espaço Lonier. Isso porque John Textor é um defensor no investimento nas categorias de base e, claro, se interessou no local. O centro tem sido custeado pelos irmãos Moreira Salles, que cuidam as obras. O time profissional do Alvinegro, inclusive, fez o primeiro treino lá na última quinta-feira.

Textor quer ver o Espaço Lonier, conhecer as instalações e ver o projeto de perto, além de entender qual é o projeto dos irmãos Moreira Salles/Botafogo para o local. O investidor entende que o investimento em jovens jogadores, assim como fez no Crystal Palace, é algo primordial.

Existem pequenos ajustes ainda a serem resolvidos, o que diz respeito ao investimento a curto prazo para o clube - o LANCE! trouxe detalhes mais cedo. Internamente, espera-se que a coisa seja resolvida facilmente e os pedidos de John Textor sejam atendidos. A tendência é por um final feliz.

Últimas