Futebol Ao L!, Pedro Oliveira, meia com passagem na base do São Paulo, fala sobre sua trajetória no Tricolor

Ao L!, Pedro Oliveira, meia com passagem na base do São Paulo, fala sobre sua trajetória no Tricolor

Jogador de 22 anos comentou sobre a experiência nas categorias de base do São Paulo e projetou próximos passos na carreira. Vínculo dele com o Tricolor termina dia 30 

Lance
Lance

Lance

Lance

Aos 22 anos, o meia Pedro Oliveira já pode se considerar um experiente no mundo do futebol. Formado nas categorias de base do São Paulo, o jogador foi emprestado ao Louletano-POR, nas temporadas de 2019/20 e 2020/21. Em 39 partidas anotou 9 gols e deu 8 assistências.

ATUAÇÕES: Pablo faz “hat-trick” e comanda goleada histórica do São Paulo diante do 4 de Julho

Com experiência em um dos gigantes do futebol brasileiro e também com passagem pelo futebol europeu, Pedro falou com a reportagem do LANCE! sobre a sua formação no São Paulo e também as duas temporadas na Europa.

TABELA
> Veja classificação e simulador da Copa do Brasil clicando aqui

Perguntado sobre a importância de sua experiência nas categorias de base do Tricolor Paulista, Pedro Oliveira ressaltou o tempo que ficou nas instalações de Cotia, treinando nas categorias de base.

- Muito boa e importantíssima (passagem no São Paulo). O São Paulo me ajudou a me tornar quem eu sou, não só dentro como fora de campo também. Foram seis anos vitoriosos na base do clube, serei eternamente grato por tudo que aprendi e vivi lá em Cotia - afirmou o jogador.

Campeão do Paulista sub-17 (2015), bicampeão da Copa RS Ipiranga (2016 e 2017), fazendo gol na final de 2016, campeão da Copa Ouro sub-20 (2018), da Copa do Brasil sub-23 (2018) e do Brasileiro de Aspirantes (2018), Pedro falou não teve oportunidades na equipe profissional do São Paulo, mas não guarda mágoa pela falta de chances.

- Como todos atletas de Cotia, meu sonho era jogar na equipe principal do São Paulo, quando estava na base sempre assistia na TV e tinha a expectativa de ter essa sensação. Em 2017 cheguei a fazer alguns treinos a pedido do Rogério, mas infelizmente a oportunidade não veio, mas um dia tenho certeza que irei realizar esse sonho - disse.

Sobre a sua experiência na Europa, onde foi eleito o melhor médio sub-21 do Campeonato de Portugal 2019/20, Pedro Oliveira disse que serviu como uma evolução como jogador e um grande passo em sua carreira.

- Foi uma experiência muito interessante, evolui bastante como pessoa e jogador, senti como é diferente o ritmo e a dinâmica do futebol Europeu. Também tive minha primeira experiência como profissional lá, então hoje me sinto mais preparado para atuar em qualquer clube do Brasil - explicou.

VEJA OUTROS TÓPICOS DA ENTREVISTA EXCLUSIVA

Você é da mesma geração do Militão, Liziero, entre outros atletas. Essa experiência com outros jogadores te ajuda na carreira?

Ajuda muito, pois desde muito novo treino e jogo com atletas de alto nível. A disputa para jogar sempre foi muito grande e quando temos essa disputa, o crescimento pessoal de cada um é muito maior e esse é um dos motivos que fazem o São Paulo estar sempre revelando grandes jogadores, pois desde cedo competimos com os melhores por um lugar no time.

​Seu contrato com o São Paulo se encerra agora em junho. Há alguma expectativa de renovação com o clube?

O meu desejo sempre foi e é até hoje, conquistar títulos e retribuir toda a confiança que o clube me deu, mas essa parte de renovação deixo mais com os meus representantes.

Você tem um fato muito legal e curioso que foi marcar por duas vezes um gol do meio-campo. Qual o segredo para isso?

Gosto de observar o posicionamento do goleiro sempre, fui muito feliz nas duas vezes que tentei e espero repetir esse feito mais vezes (risos).

Pretende continuar na Europa, ou quer voltar a jogar no Brasil?

Gostei bastante do futebol Europeu e me adaptei muito rápido, acredito que minhas características ajudaram nisso. Mas se tiver a oportunidade de voltar a jogar no Brasil, também aceitaria de braços abertos.

Últimas