Futebol Antes de clássico, Sylvinho divide 'brilho nos olhos' entre medalhões e destaques vindos da base corintiana

Antes de clássico, Sylvinho divide 'brilho nos olhos' entre medalhões e destaques vindos da base corintiana

Ao mesmo tempo em que conta com reforços e nomes consagrados, técnico prepara time para pegar São Paulo empolgado com as opções do elenco entre atletas formados no clube

Lance
Lance

Lance

Lance

É inegável que o Corinthians viu o seu status neste Campeonato Brasileiro subir de patamar após a chegada do quarteto de reforços composto por Renato Augusto, Giualino, Willian e Róger Guedes. Porém, a grande evolução do time na competição também está ligada ao bom desempenho de garotos vindos da base alvinegra que estão conseguindo se destacar, como é o caso de Gabriel Pereira, autor do golaço que garantiu a vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, na última quarta-feira, na Neo Química Arena, pela 26ª rodada do Brasileirão.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Confira as fotos da nova terceira camisa roxa do Corinthians

Em meio à concorrência de vários medalhões, Gabriel Pereira conseguiu conquistar a titularidade no meio-campo do time e é considerado nome certo na escalação do Corinthians para o clássico com o São Paulo, na próxima segunda-feira, às 20h, no Morumbi, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

E ao comentar o bom momento vivido pelo jovem meio-campista de 20 anos, o técnico Sylvinho não economizou elogios ao jogador, cujo futebol tem deixado o comandante "fascinado", palavra que ele usou por diversas vezes durante a entrevista coletiva que concedeu após o triunfo sobre o Fluminense. E vale lembrar que o treinador foi formado como atleta justamente na base corintiana, da qual ele saiu para depois se firmar no time profissional.

- Assim como brilha os olhos destes atletas da base, o meu também, da nossa comissão, da diretoria, do presidente, e também me remeto ao meu passado, pela identificação que temos com o clube. Eles estão respondendo. A virtude é do atleta. O GP (Gabriel Pereira) é um atleta que, desde a nossa chegada, estamos olhando para o potencial e trabalhando para desenvolver. É um atleta diferenciado, com boa qualidade, tem gol, cruzamento, posição defensiva - ressaltou Sylvinho, para em seguida enumerar outras opções do seu elenco entre os jogadores formados no Parque São Jorge.

- Assim como o Roni, o Adson, outros também tiveram os seus momentos. Fascina, é gostoso. Eles estão querendo espaço. São jogadores que vão construindo o seu espaço e vão aparecendo. Muito bom. Todos são atletas com muita margem de crescimento, e com isso a gente fica feliz para continuar trabalhando em cima deles - completou o ex-lateral-esquerdo, que teve carreira de sucesso no Corinthians na segunda metade da década de 1990.

MEDALHÕES TAMBÉM EMPOLGAM SILVINHO

Ao mesmo tempo em que se empolga com os garotos da base, Sylvinho exalta o fato de que os jogadores mais experientes do seu elenco o deixam animado por exibirem o mesmo empenho e vontade de vencer das promessas alvinegras, apesar de já consagrados ou até mesmo com as suas vidas financeiras bem resolvidas após muitos anos de sólida carreira profissional.

E o exemplo de medalhão lembrado com maior empolgação pelo treinador na última quarta-feira foi o goleiro Cássio, ídolo do clube que teve atuação decisiva contra o Flu e foi alvo de elogios do comandante. Os comentários sobre o jogador aconteceram após o técnico ser questionado se considera que o atleta falhou no lance do gol do Sport na derrota por 1 a 0 sofrida no último sábado, na Arena Pernambuco, onde o Timão perdeu após ficar dez partidas invicto.

- O Cássio é um atleta de um histórico extraordinário, uma referência, e como qualquer outro atleta pode falhar. É um jogador emblemático. E que os olhos brilham e ele quer continuar (vencendo). Ele continua sendo referência, líder dentro do grupo, e com muito desejo de seguir fazendo história - enfatizou.

No jogo contra o São Paulo, na segunda-feira, Sylvinho não poderá contar com Fagner, um dos medalhões do elenco corintiano. O lateral-direito recebeu o terceiro cartão amarelo e cumprirá suspensão. Du Queiroz, uma das várias promessas da base alvinegra, é o favorito a substituir o titular no clássico.



Últimas