Futebol Abel, Luxa e Dorival: nomes agradam, e Santos marca reunião

Abel, Luxa e Dorival: nomes agradam, e Santos marca reunião

Dos três, situação mais complicada é a de Abel Braga, que não tem a intenção de sair do Rio de Janeiro, nem de assumir novo clube em 2018

Dos três, situação mais complicada é a de Abel Braga, que não tem a intenção de sair do Rio de Janeiro, nem de assumir novo clube em 2018. Luxemburgo tem 'campanha' a favor

O Santos parece ter definido a linha de pensamento para buscar um novo técnico: alguém com história e nome de peso no clube e, principalmente, no futebol brasileiro. Abel Braga, Vanderlei Luxemburgo e Dorival Júnior, neste momento, são os favoritos a serem procurados pelo clube alvinegro - o primeiro deles já recebeu o contato. A diretoria espera do novo contratado uma resposta rápida no comando do time e não pretende apostar de novo em treinadores considerados da ala jovem brasileira.

O Comitê de Gestão, composto pelo presidente, vice-presidente e mais oito membros - um a menos pela saída de Andres Rueda - tem reunião marcada para quarta-feira, em Santos, antes da partida contra o Flamengo, na Vila Belmiro, onde pretende alinhar a lista de nomes e fechar as possibilidades.

São Paulo se firma como melhor do Brasileirão pós-Copa; rivais oscilam

Zé Ricardo, neste momento, está distante de um acerto - embora tenha sido uma das opções cogitadas pelo presidente José Carlos Peres ainda em dezembro, quando nem sequer havia assumido de maneira oficial seu cargo no Alvinegro Praiano. A família de Ricardo Gomes, porém, tem boa relação com o treinador de 47 anos, algo que pode ajudar em uma eventual reaproximação.

Abaixo, o LANCE! destrincha o por que de cada um dos nomes cogitados pela diretoria:

Abel Braga
"Menino dos olhos" no Santos desde o começo do ano. Não só da diretoria, mas também de boa parte da torcida santista. É considerado veterano, experiente e suficientemente capaz de "dar um jeito" no elenco atual. A capacidade de liderança e a história no futebol o gabaritaram a ser o plano A da diretoria para o cargo, antes mesmo da saída de Jair Ventura o clube já trabalhava com a possibilidade de tê-lo no cargo.

O problema é que Abel não pretende sair do Rio de Janeiro. Desde a perda do filho João Pedro, em 2017, aos 19 anos, o treinador passou a querer estar mais perto da família, principalmente da esposa. Desde que saiu do Fluminense, parece ter optado por se retirar do futebol por algum tempo.

- Essa possibilidade (de assumir o Santos) não existe. Não pego nada agora. Só em janeiro - disse o treinador, em rápido contato com a reportagem.

Vanderlei Luxemburgo
​- Luxemburgo foi um dos maiores do Brasil nas últimas duas décadas. Não descarto ninguém. Foi campeão várias vezes no Santos. É um grande treinador.

Curta a página R7 Esportes no Facebook

A frase do gerente executivo de futebol do Peixe, Ricardo Gomes, fala por si só. O Peixe ainda não o procurou, mas tem a intenção de fazê-lo nas próximas horas. Há uma corrente no clube que defende a contratação do treinador de 66 anos não só pelo histórico vitorioso, mas também pela personalidade forte, capaz de mudar o cenário do Santos, hoje 15º colocado do Campeonato Brasileiro.

Dorival Júnior
​Deixou o Santos em junho de 2017, em sua segunda passagem, depois de quase dois anos no clube. É bem visto internamente, não só por boa parte dos funcionários, mas também pelo elenco. Todas as pendências financeiras entre ele e o clube vem sendo resolvidas sem que a Justiça tenha sido acionada. As partes mantém boa relação.

E, principalmente, Dorival é um cara que conhece o clube, conhece o elenco e não teria dificuldade em achar soluções. O treinador de 56 anos estás em clube desde março deste ano, quando deixou o comando técnico do São Paulo.

Veja as novas camisas dos times da International Champions Cup 2018