Lance Equipe de 'Os Donos da Bola' defende Neto, citado em protesto da Gaviões

Equipe de 'Os Donos da Bola' defende Neto, citado em protesto da Gaviões

Substituto do apresentador, que está com Covid-19, Fernando Fernandes afirmou que a organizada atacou Neto de forma aleatória

Lance
Lance

Lance

Lance

Afastado do comando do 'Os Donos da Bola', Neto não pode usar seu programa para se defender da crítica feita pela torcida organizada 'Gaviões da Fiel', que criticou o ex-jogador em protesto na tarde desta terça-feira. Apesar disso, o assunto foi abordado no programa e o apresentador foi defendido pelos colegas presentes na atração.

- Os caras pegando no pé do Neto! O cara que mais defende o Corinthians, ídolo do Corinthians, jogador histórico do Corinthians, sempre está aqui defendendo o Corinthians. Cara, pelo amor de Deus! Pode falar de qualquer um, mas o Neto é o cara que mais defende o Corinthians, assume a posição dele como corintiano. Perde o rumo quando você começa a atacar de maneira aleatória - disse Fernando Fernandes, que comanda interinamente a atração.

- Você vê a incoerência do protesto deles. Eles criticam o Neto, mas eles estão lá protestando pelo péssimo futebol, que é o que o Neto faz aqui no programa. Não tem coerência o protesto deles contra quem também pensa como eles - completou o comentarista Rogério Assis.

Já o comentarista Velloso afirmou que Neto foi atacado após criticar o protesto da organizada no Aeroporto. Na ocasião, Neto defendeu o goleiro Cássio e lembrou que outros ídolos já deixaram o Corinthians por causa de episódios como aquele.

-
Acho que o problema foi quando nós nos posicionamos contra aquela emboscada no aeroporto. Vai ser sempre assim, porque é um absurdo e a gente não vai concordar com esse tipo de coisa. O Neto aponta o dedo para as coisas erradas no Corinthians - disse.

No protesto, a Gaviões cantou: 'Neto, vai se f***, a Gaviões não tem medo de você'. Apesar de estar afastado por causa da Covid-19 e relatar que subestimou a doença, Neto se defendeu através do seu blog.

- Sinceramente, eu queria entender por que disseram isso? Medo do quê? Eu que fui coagir alguém em aeroporto? Eu que estou ameaçando alguém? (...) A torcida não tem que ficar brava comigo. O que eu falei na TV foi a verdade. Sensacionalista ou não, foi a verdade. As imagens provam isso - disse.

Últimas