Lance Bem como visitante, Corinthians busca melhorar como mandante

Bem como visitante, Corinthians busca melhorar como mandante

Com novo compromisso na Neo Química Arena, Timão busca equilíbrio nos resultados e fazer valer mando de campo, para melhorar aproveitamento

Lance
  • Lance | por Lance

Desempenho em casa ainda é uma dor de cabeça para o Corinthians

Desempenho em casa ainda é uma dor de cabeça para o Corinthians

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians ainda está muito longe do ideal, mas já se aproxima de um padrão suficiente para se livrar de uma incômoda briga contra a zona de rebaixamento. Alguns fatores ainda impedem que a equipe deslanche no campeonato e respire mais aliviado, como por exemplo o desempenho como mandante, que é pior do que fora de casa na disputa do Brasileirão-2020.

Se pegarmos apenas os números da competição nacional, veremos que o Timão pontuou mais longe de seus domínios (16 pontos: 4 vitórias, 4 empates e 5 derrotas) do que como mandante (14 pontos: 3 vitórias, 5 empates e 3 derrotas). Como visitante, o Alvinegro é um dos melhores do campeonato, enquanto atuando na Neo Química Arena está na parte de baixo da tabela.

Essa situação em seu estádio não é exclusividade do Brasileirão, tanto é que o aproveitamento da equipe na Arena em 2020 é o pior desde sua inauguração, em 2014. Nesta temporada, o Corinthians conquista apenas 50,78% dos pontos que disputa dentro de casa. Somente Botafogo (50%), Vasco (42,03%) e Goiás (40,35%) têm índices piores como mandantes em jogos oficiais neste ano.

A falta de torcida por conta da pandemia de coronavírus é um dos fatores que influenciam nesses resultados ruins, mas é algo que todas equipes estão precisando conviver em 2020 e que permanecerá assim por mais algum tempo. Sendo assim, Vagner Mancini precisará encontrar uma maneira de suprir a ausência do torcedor para buscar resultados que não estão aparecendo.

Para se ter uma ideia, desde que o técnico chegou, foram seis partidas como visitante do Timão com três vitórias e três empates, ou seja, a equipe está invicta com Mancini atuando fora de casa (66,7% de aproveitamento). Já como mandante a história é bastante diferente, são cinco jogos com apenas uma vitória, um empate e três derrotas (26,7% de aproveitamento).

- Estamos conseguindo bons resultados fora de casa, temos que ser mais constantes em casa, buscar resultados, lógico que em certos momentos, quando você vê que não dá para ganhar, não pode perder, acho que pecamos nisso em alguns momentos, de repente um ponto mesmo dentro de casa seria legal do que perder a partida, mas tudo é aprendizado, a gente tem aprendido com os nossos erros - analisou Cássio em entrevista coletiva na última semana.

No próximo domingo, na Neo Química Arena, o Corinthians recebe o São Paulo, um adversário para o qual nunca perdeu nesse estádio. Até aqui são 12 Majestosos em Itaquera, com nove vitórias corintianas e três empates. Cenário ideal para o que o Timão retome seu domínio como mandante. A partida está marcada para começar às 18h15, pela 25ª rodada do Brasileirão-2020.

Confira alguns dos números citados acima:

Corinthians no Brasileirão
Mandante: 3 vitórias/5 empates/3 derrotas - 14 pontos (42,4%)
Visitante: 4 vitórias/4 empates/5 derrotas - 16 pontos (41%)

Corinthians como mandante em 2020
8 vitórias/8 empates/5 derrotas - 50,79% de aproveitamento

Corinthians com Vagner Mancini:
​Mandante: 1 vitória/1 empate/3 derrotas - 26,7% de aproveitamento
Visitante: 3 vitórias/3 empates/0 derrota - 66,7% de aproveitamento

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Diego Souza se torna 10º maior artilheiro de todos Brasileiros; veja

Últimas