Esportes Goiás fecha treinos e pode ser ofensivo diante do Coritiba para sair da lanterna

Goiás fecha treinos e pode ser ofensivo diante do Coritiba para sair da lanterna

Vindo de duas derrotas consecutivas, o Goiás fechou todos os treinos de preparação para o duelo contra o Coritiba nesta quarta-feira, às 18h, na Serrinha. O técnico Thiago Larghi deverá fazer novos testes em busca da equipe considerada ideal. Por jogar em casa, ele poderá apostar em um sistema mais ofensivo, com três atacantes: Victor Andrade, Rafael Moura e Vinícius.

Mas não está descartada uma escalação mais populosa no meio de campo. Caso seja esta a opção, Miguel Figueira apareceria como titular, provavelmente, na vaga de Victor Andrade. Outra dúvida está na defesa. David Duarte, recuperado de lesão, poderá aparecer novamente ao lado de Rafael Vaz, mas a expectativa é que Fábio Sanches seja escalado.

"Esse período de avaliação já é um período de muito trabalho. Infelizmente, não estamos conseguindo vencer as partidas. A corrida contra o tempo não tem outra fórmula, a realidade é essa, é tentar reforçar o elenco para que nas próximas rodadas a gente comece a colher os frutos", discursou Larghi, salientando a importância de reforçar o elenco.

O treinador ainda afirmou que não se vê pressionado e que precisa de tempo para colocar seu trabalho em prática. "Não tem pressão nenhuma, nenhum medo que mexa comigo, estou aqui para entregar um grande trabalho para o Goiás e acredito nisso. Mas isso não se faz da noite para o dia, padrão, identidade, montagem de elenco. A gente precisa conhecer melhor os jogadores para dar mais sentido coletivo, acho que falta bastante isso", finalizou.

Mas é claro que tudo vai depender dos resultados e da situação na tabela. Na rodada passada perdeu para o Sport, por 2 a 1, no Recife, e antes caiu diante do Corinthians, em casa, também por 2 a 1. O Goiás é o lanterna do Brasileirão com apenas quatro pontos, a três do Athletico, primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Últimas