Futebol Walter volta ao Corinthians contra Cruzeiro, rival que 'garantiu' a sua renovação

Walter volta ao Corinthians contra Cruzeiro, rival que 'garantiu' a sua renovação

Com Cássio suspenso, Walter ganhará nova oportunidade no gol do Corinthians na partida deste sábado, às 19 horas, contra o Cruzeiro, na arena em Itaquera, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Curiosamente, foi no empate sem gols com o time mineiro no primeiro turno que ele "garantiu" a renovação de seu contrato para seguir como opção para a meta alvinegra.

"Mudança na minha vida no Corinthians foi naquele jogo contra o Cruzeiro. Estava para sair. Teve esse jogo e depois contra o Santos aconteceu a reviravolta. Bom que as coisas caminharam bem, assinei pré-contrato até o fim de 2021. Estou aqui para suprir a necessidade do Cássio", disse o jogador em entrevista nesta sexta-feira.

Walter chegou a comunicar oficialmente no início do ano que deixaria o clube ao término da temporada. A intenção era procurar um novo time no qual tivesse mais oportunidades em campo. Mas as convocações de Cássio para a seleção brasileira e as boas atuações de Walter quando requisitado na atual temporada foram responsáveis pela mudança de planejamento.

Agora no segundo turno, Walter comentou que a situação é diferente. O Corinthians entra em campo pressionado por estar há quatro jogos sem vencer e enfrentará uma equipe na zona de rebaixamento. "Até o ano passado a gente estava brigando um pouco lá em baixo e foi bem difícil. Apertava bastante. O psicológico vai lá para baixo. Qualquer lance pode mexer com o psicológico", disse.

E o goleiro prevê um duelo complicado diante dos cruzeirenses neste sábado. "Jogo difícil, tem grandes jogadores lá, grandes campeões, mesmo eles estando na parte de baixo da tabela, quem errar menos vai ganhar. Joguei há um turno, empatamos 0 a 0, foi uma grande pressão. Acho que vão ter que arriscar pelos pontos que precisam, vamos botar nosso futebol em prática para fazer os pontos em casa", prosseguiu.

Além de Cássio, o técnico Fábio Carille não contará com a dupla de zaga Gil e Manoel. O primeiro está suspenso e o outro pertence ao Cruzeiro e não poderá jogar por motivo contratual. Walter comentou os desfalques. "O trabalho é o mesmo para todos, claro que tem a confiança de estar jogando mais que fica mais elevada. Eu estou de fora, Marllon também, Bruno Méndez entrou no último jogo. O grupo confia na gente, vamos suprir bem a necessidade para manter os números".