caso daniel
Futebol Treino do São Bento tem oração, abraços e homenagem a Daniel

Treino do São Bento tem oração, abraços e homenagem a Daniel

Jogadores do clube paulista em que jogava Daniel voltaram aos treinos após morte de meio-campista, assassinado no Paraná no último sábado

daniel

Jogadores do São Bento se abraçam para oração pela memória do meia Daniel

Jogadores do São Bento se abraçam para oração pela memória do meia Daniel

Divulgação/São Bento

Os jogadores do São Bento, que  retomaram as atividades nesta terça-feira (30), fizeram um círculo no centro do gramado do estádio Walter Ribeiro em Sorocaba, para uma oração pela memória do meia Daniel, seu colega de clube. 

Daniel foi assassinado no último sábado (27) em São José dos Pinhais (região metropolitana de Curitiba). No corpo, deixado em um matagal, havia sinais de tortura. A polícia trabalha com a hipótese de crime passional.

COSME RÍMOLI: O bárbaro assassinato de Daniel choca os jogadores do São Paulo

"Foi com muita tristeza que recebi a notícia do Daniel. Estávamos tentando recuperar a carreira dele", contou o técnico Marquinhos Santos, do São Bento, referindo-se ao jogador, que despontou no Botafogo, mas não conseguiu se firmar no São Paulo, dono de seus direitos federativos.

"Infelizmente esse fato ocorreu e deixou todos muito chocados. Nesse momento, fica minha solidariedade. que Deus abençoe a todos os familiares. que possamos lembrar do daniel uma pessoa de bom caráter e boa índole", acrescentou o treinador do São Bento, que disputa a Série B do Brasileirão. A equipe jogou no último sábado, vencendo o CRB em Sorocaba, por 1 a 0. O time ocupa a 12ª posição no torneio, com 43 pontos.

Comissão técnica e jogadores prestaram homenagem a colega assassinado

Comissão técnica e jogadores prestaram homenagem a colega assassinado

Divulgação/São Bento

Homenagem da diretoria

Márcio Rogério Dias, presidente do São Bento, contou que a diretoria já havia feito uma oração em memória de Daniel na segunda-feira (29), um dia antes da reapresentação dos jogadores. O dirigente disse estar abalado pelo homicídio.

"A gente ficou totalmente chocado pelas circunstâncias em que ocorreu. Foi uma forma horrível. Muito triste o que aconteceu", lamentou Dias.

Veja mais: Ex-técnico sobre jogador morto: 'Tinha boa índole e era tranquilo'

"A gente fez uma oração com a diretoria ontem. Os jogadores também fizeram uma oração hoje [terça~feira] para que Deus, na mais profunda bondade, conforte o coração dos familiares pela crueldade que fizeram com o nosso Daniel", comentou.  

Ponte Preta e Coritiba, os próximos dois adversários do São Bento, já divulgaram que farão homenagem ao meia Daniel. Por coincidência, o jogador atuou nas duas equipes, também sem se firmar. Daniel atuou pela equipe de Campinas no último Paulistão, emprestado pelo São Paulo. Após o Estadual, o Tricolor havia emprestado o atleta para o São Bento. 

Veja mais: Jogadores e clubes lamentam morte do meia Daniel nas redes sociais

Do Cruzeiro ao São Bento: Relembre a trajetória de meia Daniel