Palmeiras no Mundial

Futebol Técnico do Tigres diz saber tudo o que precisa sobre o Palmeiras

Técnico do Tigres diz saber tudo o que precisa sobre o Palmeiras

'Não creio que não há nada que não saibamos', disse o brasileiro Ricardo Ferretti, que comanda o time mexicano

Agência Estado - Esportes
O brasileiro Ricardo Ferretti comanda o Tigres

O brasileiro Ricardo Ferretti comanda o Tigres

Mohammed Dabbous - 04.02.2021/Reuters

Técnico brasileiro que comanda o Tigres, Ricardo Ferretti garantiu no sábado (6) que está muito bem informado sobre o time do Palmeiras, rival deste domingo, na semifinal do Mundial de Clubes da Fifa, no Catar. "Não creio que não há nada que não saibamos", declarou o brasileiro.

"O que vamos enfrentar contra os brasileiros não é estranho para nós. A equipe está encharcada, está enterrada no que é o Palmeiras, da forma do futebol brasileiro", afirmou o treinador, sobre a preparação que o Tigres para conhecer profundamente o futebol do campeão da Copa Libertadores.

Ainda a esse respeito, o técnico prosseguiu: "Estava mais preocupado com a equipe coreana porque o futebol brasileiro nós vemos quando queremos. Vemos muitas equipes sul-americanas". Pelas quartas de final, na estreia da equipe mexicana no Mundial, o Tigres superou o Ulsan Hyundai, da Coreia do Sul, por 2 a 1.

O treinador carioca assegurou que, apesar de sua nacionalidade, não há qualquer conflito nem sensação especial ao enfrentar o time brasileiro. "É outra equipe que vamos enfrentar, como sempre, com respeito. No jogo passado, tínhamos um objetivo, o atingimos e agora tocamos para Palmeiras. Mesmo que seja brasileiro, chinês, coreano, italiano ou alemão, encaramos as partidas da mesma forma e amanhã não será exceção", completou Ferretti.

Ricardo Ferretti foi categórico ao afirmar que está confiante e que o Tigres terá oportunidade de impor seu futebol. Para ele, "a partida mais importante é a próxima" e minimizou o impacto de enfrentar o Palmeiras, dizendo "muita gente fala que a equipe brasileira tem este e o outro, não é novidade, mas trago a confiança no que temos", concluiu.

Últimas