Queda do avião da Chapecoense

Futebol Sobrevivente de voo culpa piloto por tragédia com avião da Chapecoense

Sobrevivente de voo culpa piloto por tragédia com avião da Chapecoense

Erwin Tumiri concedeu entrevista ao jornal El Deber e falou sobre o trágico acidente

  • Futebol | Do R7

Erwin Tumiri foi técnico de voo do avião da Chapecoense

Erwin Tumiri foi técnico de voo do avião da Chapecoense

Reprodução/Facebook

Erwin Tumiri foi um dos seis sobreviventes do trágico acidente de Medellín, que  envolveu o avião da Chapecoense e que deixou 71 mortos.

Nesta terça, o técnico de voo falou ao Ministério Público boliviano sobre o acidente e culpou o piloto Miguel Quiroga pela queda do avião da LaMia. Além de dar a sua versão ao MP, Tumiri concedeu entrevista ao jornal El Deber.

— Eu disse que (o acidente) foi por falta de combustível. Neste caso o capitão é o que se encarrega disso.

Tumiri ainda afirma que ele apenas cumpriu as ordens na hora de encher o tanque de combustível do avião. Ele também diz que não era o responsável por calcular se a aeronave teria combustível ou não para chegar a Medellín.

— O capitão e o comandante eram os responsáveis (de verificar o combustível), e o despachante e o engenheiro os que faziam os cálculos.

O acidente de Medellín deixou 71 mortos, incluindo 44 membros ligados a Chapecoense, que disputaria a partida de ida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional-COL.

EsportesR7 agora também está no Youtube. Inscreva-se

Últimas