Sem time, ex-goleiro da Inglaterra faz apelo: 'Acreditem em mim'

Joe Hart, de 33 anos, que defendeu o país nas Copas do Mundo de 2010 e 2014, está preocupado com sua continuidade no futebol 

Hart busca vaga em algum time

Hart busca vaga em algum time

Andy Rain/EFE/14-11-17

Ex-goleiro da seleção da Inglaterra, Joe Hart está sem clube e preocupado com o futuro. Após terminar o contrato com o Burnley nesta semana, o jogador de 33 anos que defendeu o país nas Copas do Mundo de 2010 e 2014 está preocupado com a continuidade no futebol e faz um apelo para receber uma chance em uma nova equipe para a próxima temporada.

Leia mais: Messi: "O futebol, como a vida em geral, nunca será o mesmo"

"Talvez do lado de fora, as pessoas pensem que é hora de entrar em pânico, mas do lado de dentro é hora de olhar para frente e ver todas as oportunidades. Eu sou jovem quando se trata de goleiro", revelou o jogador em entrevista à rede de TV inglesa BBC. Semanas atrás, Hart chegou a ser especulado como possível reforço do Arsenal, já que o clube londrino perdeu o titular, o alemão Bernd Leno, por causa de uma lesão.

Apesar de otimista, Hart tem uma certeza: a futura equipe não brigará por títulos nacionais e nem tanto pela Liga dos Campeões da Europa. Segundo o goleiro, ele precisa de um clube que acredite em seu potencial. "Não tenho ilusões de que o Real Madrid vai bater na minha porta, tirar o Courtois e me trazer para dentro. Mas há muito mais por vir. Só preciso que alguém acredite em mim e retribuirei essa fé", explicou.

Veja também: Jogador de futebol vira feirante após ter contrato encerrado na pandemia

Hart defendeu a camisa do Manchester City durante a maior parte de sua carreira. Ele foi contratado em 2006, aos 19 anos, mas se consolidou como titular apenas na temporada 2010/2011. Pelo clube de Manchester, o goleiro conquistou dois Campeonatos Ingleses (2011/2012 e 2013/2014) e uma Copa da Inglaterra (2010/2011).

Volta do futebol na Europa abre espaço para novo ciclo de craques