Futebol São Paulo goleia Mirassol por 4 a 0 e enfrenta Palmeiras na final

São Paulo goleia Mirassol por 4 a 0 e enfrenta Palmeiras na final

Time do interior até tentou, mas o Tricolor não teve piedade e fulminou, com outra ótima atuação de Benítez

  • Futebol | Filipe Siqueira, do R7

Mirassol até tentou, mas minutos arrasadores do São Paulo não deram chance ao adversário

Mirassol até tentou, mas minutos arrasadores do São Paulo não deram chance ao adversário

FLAVIO CORVELLO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 16.05.2021

O São Paulo não teve nenhuma piedade do Mirassol e goleou por 4 a 0, neste domingo (16), na semifinal do Campeonato Paulista. O Tricolor terminou o primeiro tempo vencendo por um gol, entrou eletrizante na etapa final e liquidou a partida. Na decisão do torneio, a equipe enfrentará o Palmeiras, que venceu o Corinthians por 2 a 0.

No primeiro tempo, o Mirassol tentou igualar a partida, sem se intimidar diante do favoritismo do time de Hernán Crespo. O time do interior buscou o ataque sempre que pode e exigiu algumas defesas de Volpi.

Mas foi o São Paulo quem mais atacou, apostando muitas vezes no talento de Benitez, que logo aos 8' cruzou da esquerda com perigo, mas Pablo tocou sem força na bola, que foi para fora. Aos 10', Reinaldo bate forte para fora, após receber bom passe de Gabriel Sara.

LEIA TAMBÉM: Em boa fase, São Paulo fecha mês com 100% pela 1ª vez em 9 anos

O Mirassol conseguiu conter a pressão inicial do Tricolor, se fechando na defesa. O São Paulo, por sua vez, pressionou e conseguiu outras boas chances, em chute de Benitez aos 21', que errou o alvo, e em cabeçada de Miranda, após cobrança de escanteio, aos 29'.

E foi justamente de um escanteio que o São Paulo abriu o placar, aos 44'. Em outra cobrança fechada de Benitez, Muralha saiu mal e Arboleda só cabeçeou para o gol.

Já no segundo tempo, foi justamente Arboleda que iniciou a jogada do segundo gol do Tricolor. Em belo lançamento do zagueiro, Pablo recebeu, errou cavadinha, mas a bola bateu no zagueiro Danilo Boza e entrou, aos 6'. Apesar de bater no adversário, a arbitragem deu o gol ao atacante são-paulino.

Sem dar tempo para o Mirassol respirar, o Tricolor continuou no ataque e fez 3 a 0. Aos 11', em outra cobrança de escanteio de Benitez, Miranda desvia e Gabriel Sara completa, na segunda trave.

Aos 28', o quarto gol, também iniciado por Benitez. O meio-campo manda bom passe para Igor Vinícius, que cruza e deixa Luciano apenas com o trabalho de empurrar para as redes.

COSME RÍMOLI: São Paulo e Palmeiras. A final que o Campeonato Paulista merecia

Apesar de algumas ameças, o São Paulo não tomou conhecimento do adversário e promete grande jogo contra o Verdão.

Ganhar o Paulista também representará o fim de um longo jejum sem títulos estaduais — a última conquista foi em 2005.

SÃO PAULO 4 X 0 MIRASSOL
Local: Estádio do Morumbi, São Paulo (SP)
Data/Horário: 16 de maio de 2021 (domingo), às 20h30 (de Brasília)
Arbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Assistentes: Anderson Jose de Moraes Coelho e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
VAR: Marcio Henrique de Gois
Cartões amarelos: Neto Moura, Daniel Borges (Mirassol)
Gols: 1x0 Arboleda (44'1ºT), 2x0 Pablo (04'2ºT), 3x0 Gabriel Sara (11'2ºT), 4x0 Luciano (28'2ºT)

SÃO PAULO
Volpi; Arboleda, Miranda e Léo; Igor Vinícius, Luan (William, aos 24'2ºT), Liziero (Rodrigo Nestor, aos 24'2ºT), Gabriel Sara (Igor Gomes, aos 17'2ºT) e Reinaldo; Benítez (Rojas, aos 32'2ºT) e Pablo (Luciano, aos 17'2ºT). Técnico: Hernán Crespo.

MIRASSOL
Alex Muralha; Daniel Borges, Danilo Boza, Reniê e Ernandes; Sousa, Neto Moura e Cássio Gabriel (Raphael Macena, aos 19'2ºT); Pedro Lucas (Du, aos 33'2ºT), Diego Gonçalves (Mateus Anderson, aos 27'2ºT) e Fabrício (Lucas Silva, Intervalo). Técnico: Eduardo Baptista.

LEIA ABAIXO: De volta à seleção, Gabigol tem média de mais de um gol por jogo

Últimas