Futebol São Paulo deixa escapar vitória para o Atlético-PR e cai na Copa do Brasil

São Paulo deixa escapar vitória para o Atlético-PR e cai na Copa do Brasil

No Morumbi, Tricolor abriu 2 a 0 no placar, mas viu Furacão de Fernando Diniz se recuperar e conseguir empate que precisava para ir às oitavas de final

são paulo, atlético-pr, copa do brasil, 

Rossetto marcou o gol de empate do Atlético-PR, que valeu classificação ao time

Rossetto marcou o gol de empate do Atlético-PR, que valeu classificação ao time

Bruno Ulivieri/Estadão Conteúdo - 19.04.2018

O São Paulo foi eliminado da Copa do Brasil. A equipe de Diego Aguirre abriu 2 a 0 na noite desta quarta-feira (19), no Morumbi, e conseguiu o resultado necessário, mas cedeu o empate ao Atlético-PR, que avança às oitavas de final da competição.

Com a classificação, o Furacão se junta a Ponte Preta, Goiás, Atlético-MG e Vitória, equipes que avançaram na 4ª fase. 

São Paulo começa melhor, mas Furacão se recupera

Precisando do resultado positivo em casa, o São Paulo começou o jogo pressionando o Furacão. Logo aos cinco minutos, Régis cruzou, Valdívia escorou e Petros finalizou para fora, perdendo boa chance para marcar.

Aos 25, o Tricolor abriu o placar. Valdívia recebeu passe de Nenê de calcanhar, girou para cima da marcação e chutou no canto, sem chances para o goleiro Santos. Um belo gol do meia-atacante são-paulino.

Os donos da casa seguiram buscando o gol e, aos 34, ampliararam. Nenê recebeu passe pela entrada da área e chutou de direita. A bola desviou em Thiago Heleno e morreu no fundo do gol.

A torcida são-paulina teve pouco tempo para comemorar o segundo gol. Aos 38, Camacho tentou drible em Liziero, que deu carrinho e acertou a bola com a mão. O árbitro marcou pênalti.

Na cobrança, Guilherme deu paradinha e chutou colocado para diminuir o resultado.

Na volta do intervalo, foi o Furacão que voltou melhor.

Aos cinco minutos da etapa final, Pablo fez boa tabela pela esquerda e cruzou rasteiro. Na pequena área, Matheus Rossetto completou para o fundo das redes e empatou a partida.

Cinco minutos depois, o Atlético quase virou o jogo. Rossetto cruzou pela direita e, sozinho na grande área, Carleto apareceu sozinho e chutou firme, de primeira, mas mandou na trave.

Os donos da casa, precisando de um gol para voltar ao jogo, foi para cima. Aos 15, Nenê recebeu passe pela direita, ajeitou para o meio e chutou colocado, no alto, mas Santos se esticou e fez grande defesa.

No lance seguinte, Nenê recebeu passe de Régis e tentou o cruzamento para Valdívia, que estava na cara do gol, mas errou o passe. Aos 17, após cruzamento pela esquerda, Nenê cabeceou no canto, mas Santos defendeu com segurança.

Aos 31, quase o Furacão fez o terceiro. Nikão foi acionado por Guilherme e, de primeira, encheu o pé, mas mandou na rede pelo lado de fora.

EsportesR7 no YouTube. Inscreva-se

São Paulo só empata e é eliminado da Copa do Brasil

Aguirre sobre eliminação: "Temos que assumir o fracasso"

De Rodrygo a Liziero, confira dez revelações do Brasil na temporada