Futebol São Paulo bate peruanos e quebra tabu de seis anos na Libertadores

São Paulo bate peruanos e quebra tabu de seis anos na Libertadores

Mesmo fora de casa, Tricolor atua com autoridade e não passa grandes sustos para vencer o Sporting Cristal por 3 a 0 na estreia

  • Futebol | Felippe Scozzafave, do R7

Luan comemora com Volpi o gol que abriu caminho para a vitória do São Paulo

Luan comemora com Volpi o gol que abriu caminho para a vitória do São Paulo

Martín Mejía/EFE 20.04.21

Tricampeão da Libertadores, o São Paulo começou bem a sua campanha na edição 2021 do torneio. Mesmo atuando fora de casa, o time se impôs e bateu o Sporting Cristal, do Peru, por 3 a 0, na noite desta terça-feira (20).

Com gols de Luan, Benítez e Eder, o Tricolor, agora com cinco vitórias seguidas, além de garantir os primeiros três pontos no Grupo E, ainda quebrou um incômodo tabu. A última vez que a equipe havia triunfado como visitante na competição foi no dia 16 de abril de 2015, diante do Danúbio, no Uruguai, por 2 a 1, com gols de Alexandre Pato e Centurión.

Benítez vibra com primeiro gol pelo São Paulo

Benítez vibra com primeiro gol pelo São Paulo

Martín Mejía/EFE 20.04.21

Os brasileiros ainda encerram a impressionante sequência invicta do Sporting Cristal, que não tinha perdido nenhum jogo em 2021.

O São Paulo, líder do grupo, agora se prepara para enfrentar o Rentistas, do Uruguai, na quinta-feira, dia 29, no Morumbi. Antes disso, a equipe atua duas vezes pelo Paulistão, a primeira delas contra o Santo André, na próxima sexta-feira.

SPORTING CRISTAL 0 X 3 SÃO PAULO

Motivo: 1ª rodada do Grupo E da Libertadores
Local: Estádio Nacional de Lima, em Lima (PER)
Data: 20 de abril de 2021 (terça-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Andrés Cunha (URU)
Assistentes: Andrés Nievas (URU) e Pablo Llarena (URU)
Cartões amarelos: Horacio Calcaterra, Lora (Sporting Cristal); Bruno Alves, Léo (São Paulo)
Cartão vermelho: Léo (São Paulo)
Gol(s): Luan, aos 13 minutos (0-10); Martín Benítez, aos 59 minutos (0-2); Eder, aos 80 minutos (0-3)
Sporting Cristal: Alejandro Duarte; Johan Madrid (Lora), Alejandro González, Omar Merlo e Nilson Loyola; Gerald Távara (Hohberg), Horacio Calcaterra, Christofer González e Washington Corozo (Olivares); Marcos Riquelme e Irven Ávila (Prettel). Técnico: Roberto Mosquera
São Paulo: Tiago Volpi; Arboleda (Miranda), Bruno Alves e Léo; Daniel Alves, Luan, Liziero (William), Martín Benítez (Rodrigo Nestor) e Reinaldo; Luciano (Igor Gomes) e Pablo (Eder). Técnico: Hernán Crespo

Brasil no topo: conheça os elencos mais caros da Libertadores 2021

Últimas