caso daniel
Futebol São Bento tem faixa de luto e cartaz na 1ª partida após morte de Daniel

São Bento tem faixa de luto e cartaz na 1ª partida após morte de Daniel

Jogo contra Ponte Preta nesta sexta-feira (2), no Moisés Lucarelli, em Campinas, também terá respeitado minuto de silêncio em memória do atleta

Morte Daniel

Técnico e capitão do São Bento relataram dias difíceis após morte de Daniel

Técnico e capitão do São Bento relataram dias difíceis após morte de Daniel

Divulgação/São Bento - 30.10.2018

No primeiro jogo após a morte de Daniel Corrêa, o São Bento entrará em campo nesta sexta-feira (2) com uma série de homenagens ao jogador que morreu assassinado, no último fim de semana. O time de Sorocaba enfrenta a Ponte Preta, em Campinas, pela 34ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Essa será a foto do cartaz em homenagem a Daniel

Essa será a foto do cartaz em homenagem a Daniel

Divulgação/São Bento

Os jogadores estarão com uma faixa preta no braço em sinal de luto e o capitão Marcelo Cordeiro ainda entrará no Moisés Lucarelli com um cartaz que contém a foto e o nome de Daniel Corrêa. Os jogadores da Ponte também devem usar a faixa em homenagem já que Daniel defendeu o time no primeiro semestre deste ano, no Campeonato Paulista.

“É um momento difícil. O início da semana foi complicado. Em todas as nossas conversas, sempre vinha alguma coisa do Daniel, mas a gente tem que tentar deixar de lado. Claro que a gente vai jogar por ele também e que possa fazer um bom jogo”, disse Cordeiro, que lembrou da corrente que os jogadores fizeram no treino da última terça.

Daniel foi encontrado morto em Santo Antônio dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba (PR), com a cabeça parcialmente cortada e a genitália arrancada. A Polícia Civil daquele Estado prendeu o empresário Edson Brittes, suspeito que confessou autoria do crime, a mulher Cristiana e a filha Allana. Pelo menos outros três envolvidos são procurados.

O técnico Marquinhos Santos disse inclusive que teve trabalho para motivar o elenco para a partida decisiva nas pretensões da equipe sorocabana. O treinador contou em entrevista aos jornalistas que o ambiente do clube não era dos melhores para trabalhar após a notícia da morte mas, mesmo assim, espera que as duas equipes possam fazer um grande jogo.

“É um encontro entre as duas últimas equipes do Daniel. Que possamos fazer um grande jogo, uma partida leal, com demonstração de empenho e dedicação e que tenhamos a competência de trazer pontos importantes de Campinas”

Além das homenagens dos jogadores, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) também revelou que o árbitro Leandro Bizzio Marinho cumprirá um minuto de silêncio em memória ao atleta. Os familiares das vítimas não são esperados para a partida em Campinas.

Mais homenagens, no entanto, devem acontecer no próximo compromisso do São Bento. A equipe joga no CIC (Centro de Integração Comunitário) Walter Ribeiro, em Sorocaba, na terça-feira, contra o Coritiba, outra equipe que Daniel defendeu as cores.

O São Bento é o 12º colocado, com 43 pontos, quatro a menos que a 8ª colocada Ponte Preta.

Curta a página de Esportes do R7 no Facebook

Arte R7

Pelo Botafogo, Daniel viveu melhor momento da carreira em 2014