Sánchez decide, Santos bate o Bahia e fica perto de vaga na Libertadores

Partida disputada na Vila Belmiro teve dois gols anulados após a interferência do VAR, sendo um para cada time. Time paulista chega a 55 pontos somados

Sánchez e Marinho comemoram gol contra o Bahia

Sánchez e Marinho comemoram gol contra o Bahia

MARCELLO ZAMBRANA/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO

O Santos está cada vez mais perto de confirmar a sua vaga na próxima Libertadores! Nesta quinta-feira, a equipe recebeu o Bahia na Vila Belmiro e, com a vitória por 1 a 0, gol de Carlos Sánchez, chegou aos 55 pontos, firme na 3ª colocação.

Enquanto isso, os baianos, com três derrotas consecutivas, despencou na tabela, ocupando atualmente a 9ª posição, com 41 pontos e está cada vez mais distante de conseguir uma vaga na competição continental.

As duas equipes voltam a jogar na noite do próximo domingo. Enquanto os paulistam atuam novamente na Vila Belmiro, onde recebem o Botafogo, o Bahia encara o Cruzeiro no Mineirão. As duas partidas estão marcadas para 19 horas.

O jogo
Com três derrotas nas últimas quatro partidas, o Bahia começou o jogo indo para cima e criou uma boa oportunidade com Gilberto aos 5. O centroavante obrigou Everton a mandar para escanteio. Porém, o tempo foi passando e o Santos passou a ter o controle das ações, criando chances em sequência. Aos 17, a bola até entrou, mas o gol foi anulado pelo VAR, que flagrou posição de impedimento de Eduardo Sasha.

Na marca de 35, Jorge por pouco não fez um golaço. O lateral carregou a bola e tentou encobrir Douglas, que estava adiantado. O goleiro conseguiu se recuperar, mas mandou a bola para o meio da área. No rebote, Sasha mandou para fora. Cinco minutos mais tarde, Carlos Sánchez bateu falta de longe e a bola passou raspando a trave.

Logo no início da segunda etapa, o Santos chegou ao seu gol. Marinho fez jogada individual e foi derrubado dentro da área por Juninho. Na cobrança, o uruguaio Sánchez mostrou grande categoria ao deslocar o goleiro e abrir o marcador.

Aos 19, por pouco o time da casa não ampliou. Após duas tentativas de Sasha, a bola sobrou para Sánchez, que levantou para Evandro. Em ótima condição, o meia mandou para fora.

E quando parecia que o jogo diminuiria de ritmo, ele voltou a ganhar emoção. Aos 36, Juninho marcou um belíssimo gol ao pegar de primeira após ajeitada de cabeça de Moisés. Porém, o VAR flagrou impedimento do lateral e anulou o gol do Bahia.

SANTOS X BAHIA

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data-hora: 31/10/19, às 19h15
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ) Nota L!:
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
Árbitro de vídeo: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Cartão amarelo: Pará; Marinho; Alison; Jean Mota (SANTOS) / Gregore; João Pedro; Ronaldo (Bahia)
GOL: Sánchez 8' 2ºT (1-0)

SANTOS: Everson; Pará, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Jorge; Alison, Carlos Sánchez e Evandro; Soteldo (Felipe Jonatan 43' 2ºT), Eduardo Sasha (Jean Mota 19' 2ºT) e Marinho (Tailson 31' 2ºT). Técnico: Jorge Sampaoli.

BAHIA: Douglas Friedrich; Nino, Juninho, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore (Ronaldo- Intervalo), Flávio e João Pedro(Marco Antônio 10' 2ºT); Artur, Élber(Rogério 22' 2ºT) e Gilberto. Técnico: Roger Machado.

Guerrero é o 2º! Mas quem é o estrangeiro com mais gols no Brasil?