'Placar contra Austrália não reflete rivalidade recente', diz Renan Dal Zotto

O técnico Renan Dal Zotto festejou a fácil vitória do Brasil sobre a Austrália, por 3 sets a 0, nesta quarta-feira, na Copa do Mundo de vôlei, no Japão. Mas fez questão de ressaltar que o tranquilo placar não reflete a rivalidade recente entre as duas seleções.

"Tenho certeza que os números de hoje e o resultado do placar não refletem o que se apresentou nos últimos anos entre Brasil e Austrália, que sempre fizeram jogos equilibrados. Na última partida, pela Liga das Nações, vencemos por 3 a 2 um jogo muito difícil. Hoje, mantivemos um voleibol muito forte do início ao fim", comentou.

Na sua avaliação, o contraste entre o placar desta quarta e o retrospecto recente valoriza o triunfo obtido na cidade de Nagano, na segunda partida da seleção na Copa do Mundo, disputada em sistema de pontos corridos.

"Fico feliz porque saímos de um jogo importante, que nos deixou bastante preocupados, com três pontos que valem muito nesta competição. São três pontos importantes em uma competição muito equilibrada, onde cada jogo é uma grande final", declarou.

O ponteiro Lucarelli também destacou a importância da segunda vitória brasileira na competição. "Um campeonato muito longo, com 11 jogos em 15 dias, e cada vitória por 3 a 0. Na verdade cada vitória é muito importante. Ficamos muito felizes por termos ganhado mais uma vez e termos jogado bem, que é o mais valioso em um campeonato como esse. Agora temos um dia de descanso para depois fazer mais uma sequência de três jogos importantes."

O triunfo garantiu ao Brasil a liderança da tabela, com seis pontos. Egito e Polônia têm a mesma pontuação, mas seguem atrás por terem menor média de sets e pontos. A seleção brasileira é a única que ainda não perder set na competição, que conta com 12 equipes.

Após duas partidas seguidas, o time brasileiro vai ganhar folga nesta quinta e voltará à quadra na sexta para duelar justamente com o Egito, que também ainda não perdeu. A partida está marcada para as 6 horas (horário de Brasília).