Pivô do Fifagate, J. Hawilla está de volta ao Brasil em definitivo

Preso em 2013 nos Estados Unidos, o empresário de 74 anos, que delatou o esquema de corrupção e propinas na Conmebol e CBF, está de volta ao Brasil

O empresário J. Hawilla, preso em 2013 nos EUA, está de volta ao Brasil

O empresário J. Hawilla, preso em 2013 nos EUA, está de volta ao Brasil

AE

De acordo com a matéria publicada no site da Revista Piauí nessa quinta-feira (8), o empresário brasileiro J. Hawilla, de 74 anos, um dos pivôs no caso de corrupção da FIFA, está de volta ao Brasil.

Preso em 2013, Hawilla passou os últimos anos nos Estados Unidos e fez um acordo de delação com a Justiça americana para falar do esquema de propinas nas vendas dos direitos de transmissão de TV dos campeonatos da Conmebol e da CBF que durou entre 1991 e 2015. Hawilla gravou conversas com cartolas e empresários para deixar a cadeia, inclusive de seus próprios sócios na Datisa, um pool formado pela brasileira Traffic (da qual era dono) e pelas argentinas Torneos y Competencias e Full Play.

Hawilla chegou a São Paulo no último domingo (4) e, segundo a reportagem de Allan de Abreu, o empresário disse que seu retorno ao Brasil é em definitivo. “Voltei de vez. Estava [proibido de volta], mas acabou o processo”. Proibido de falar pelos advogados, Hawilla deverá passar o feriado de Carnaval em sua mansão no Guarujá e depois seguir para São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, sua cidade natal.