palmeiras campeão
Futebol Palmeiras faz a cabeça da torcida com título e cabelos extravagantes

Palmeiras faz a cabeça da torcida com título e cabelos extravagantes

Atacante Deyverson, com tom verde fosforescente, comandou festa na partida da entrega do troféu do Brasileirão, contra Vitória, no Allianz Parque

Palmeiras x Vitória

Atacante Deyverson, de cabelo verde, comandou festa com torcida do Palmeiras

Atacante Deyverson, de cabelo verde, comandou festa com torcida do Palmeiras

Guilherme Rodrigues/Estadão Conteúdo - 2.12.2018

Com o título do Campeonato Brasileiro já conquistado, a partida do último domingo (2), no Allianz Parque, era de festa para o Palmeiras. Ainda que com um estilo questionável, torcedores e também jogadores decidiram mudar o visual para o triunfo contra o Vitória, pela última rodada.

Deyverson, como não poderia deixar de ser, puxou a fila dos cabelos extravagantes. O atacante, que gosta de lembrar que tem “um chip solto”, pintou as madeixas com um tom de verde fosforescente. A torcida, claro, também foi na onda do novo xodó e coloriu as arquibancadas.

COSME: Até Bolsonaro se rendeu ao decacampeão deste país

Torcedores aderiram ao estilo de Deyverson no Verdão

Torcedores aderiram ao estilo de Deyverson no Verdão

André Avelar/R7 - 2.12.2018

“Essa aqui foi uma forma de homenagear essa torcida que me deu tanto carinho, que me recebeu tão bem. Sou feliz aqui no Palmeiras tinha que fazer algo mais por eles”, contou Deyverson, na comemoração, ainda no gramado do Allianz Parque.

Mesmo o zagueiro paraguaio Gustavo Gómez deixou a pinta de xerifão de lado e descoloriu os cabelos para comemorar o título diante dos mais de 41 mil torcedores no Allianz Parque. Lucas Lima, que por muito tempo já ostentou visual parecido, estava um tanto mais comportado. Felipe Melo voltou a exibir uma singela trancinha na barba.

LANCELLOTTI: Desfrute uma síntese final deste Campeonato Brasileiro

Palmeirenses comemoraram decacampeonato

Palmeirenses comemoraram decacampeonato

André Avelar/R7 - 2.12.2018

Os torcedores, claro, também seguiram a tendência das arquibancadas. Na saída pela rua Palestra Itália, eles exibiam com orgulho os cabelos pintados. “Pelo Palmeiras vale. Hoje é dia de festa. Amanhã [nesta segunda], no trabalho que não sei como vai ficar”, disse o torcedor Caio Queiróz, de 28 anos, que trabalha com entregas.

Diante de 41.256 torcedores, recorde de público no ano, o Palmeiras venceu o vitória, não sem alguns sustos. O time abriu dois gols de vantagem, com Edu Dracena e Gustavo Scarpa, mas viu o adversário empatar com Yago e Luan. Já nos minutos finais, Bruno Henrique garantiu o 3 a 2 para os donos da casa.

Grêmio entra na fase de grupos da Liberta e América-MG e Sport caem

O Palmeiras comemorou neste domingo o décimo título de campeonatos brasileiros de sua história: 1960 e 1967 (Taça Brasil), 1967 e 1969 (Roberto Gomes Pedrosa) e 1972, 1973, 1993, 1994, 2016 e 2018 (Brasileirão).

Curta a página do Esportes do R7 no Facebook

Veja as fotos do jogo de entrega da taça do Palmeiras

    Access log