Futebol Novo líder! Inter goleia o São Paulo no Morumbi e assume a ponta

Novo líder! Inter goleia o São Paulo no Morumbi e assume a ponta

Time gaúcho domina ações desde o início e vence com autoridade para chegar aos 59 pontos, dois a mais que o rival derrotado

  • Futebol | Do R7

Yuri Alberto fez três gols e foi o grande personagem da goleada do Inter

Yuri Alberto fez três gols e foi o grande personagem da goleada do Inter

Mauro Horita/Folhapress 20.01.21

O Campeonato Brasileiro tem um novo líder! E ele é o Internacional! Nesta quarta-feira (20), a equipe se impôs sobre o ex-líder São Paulo no Morumbi e não apenas venceu, como goleou: 5 a 1.

COSME: São Paulo vergonhoso. 5 a 1 para o Inter. Adeus liderança

O time gaúcho foi melhor desde o início e construiu a grande vitória com Victor Cuesta, Caio Vidal e Yuri Alberto, três vezes. Luciano, de volta após um longo período, descontou para o time da casa.

O sétimo resultado positivo seguido deixa o Inter com 59 pontos, dois a mais que o rival desta quarta, que vive péssima fase e não parece mais brigar pelo título.

E logo após assumir a ponta, o Colorado tem mais uma pedreira pela frente. No domingo, encara o maior rival, o Grêmio. No dia anterior, o São Paulo, tentando "recolher os cacos", encara o Coritiba, mais uma vez no Morumbi.

Inter 'sobra' em campo
O Inter mostrou desde o início que a série de seis vitórias consecutivas não era à toa. E dominou totalmente as primeiras ações. E chegou ao primeiro gol logo aos 8, em cabeçada de Victor Cuesta após falta cobrada por Moisés.

Os visitantes se sentiam em casa, e por pouco não ampliaram aos 15, em chute de Yuri Alberto. A bola passou perto da trave.

O São Paulo finalmente criou algo de perigo aos 23. Após bela tabela, Gabriel Sara bateu forte e obrigou defesa em dois tempos de Marcelo Lomba.

Mas logo no lance seguinte, veio o castigo. Juanfran não conseguiu cortar a bola e ela sobrou com Yuri Alberto, que deu passe açucarado para Caio Vidal. O jovem atacante chutou, a bola bateu em Volpi, depois Reinaldo, e foi para o gol.

Reação? Que nada...
O São Paulo só conseguiu esboçar alguma reação graças a um erro do Inter. Cuesta foi mal ao tentar cortar uma bola e mandou para escanteio. Na cobrança, Daniel Alves bateu na primeira trave, Reinaldo desviou e Luciano marcou, diminuindo o placar.

O gol no fim do primeiro tempo deu certo ânimo aos donos da casa, que iniciaram a segunda etapa melhor, criando algumas oportunidades.

Erro na saída... e gol do Inter!
Mas veio um grande balde de água fria. Aos 14, Vitor Bueno errou ao tentar um passe na saída de bola e o Inter não perdoou. A bola chegou em Yuri Alberto, que mandou para o gol.

Virou passeio
O terceiro gol desestabilizou de vez o time da casa. E outros gols não demoraram a sair. Aos 20 minutos, Edenílson tocou para Peglow na intermediária de ataque, que enfiou uma linda bola para Yuri Alberto. O atacante passou por Volpi e chutou olhando para o outro lado para ampliar e fazer o quarto da equipe gaúcha.

E não parou por aí. Dois minutos depois, Daniel Alves perdeu a bola no meio, e Patrick lançou Yuri Alberto pela esquerda. O atacante invadiu a área e bateu na saída do goleiro para marcar o terceiro dele na partida, quinto do Internacional em pleno Morumbi.

Logo depois, aos 24, Peglow ficou com a sobra no meio e arrancou no campo de ataque. O meia invadiu a área, e tentou tocar na saída de Volpi, mas o goleiro são-paulino fez boa defesa, evitando o sexto gol do Colorado.

A partir daí, o jogo ficou morno, sem muitas chances de gol de ambas as equipes. Vitória incontestável do Internacional, que agora é o novo líder do Campeonato Brasileiro, com sete rodadas para o final da competição.

SÃO PAULO 1 X 5 INTERNACIONAL

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data e Horário: 20 de janeiro de 2021 (quarta-feira), às 21h30
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Michael Correia (RJ)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Gols: 0-1 Victor Cuesta (07'1ºT), 0-2 Caio Vidal (23'1ºT), 1-2 Luciano (35'1ºT), 1-3 Yuri Alberto (14'02ºT), Yuri Alberto (20'2ºT), Yuri Alberto (22'2ºT)
Cartões amarelos: Brenner, Bruno Alves (São Paulo), Caio Vidal (Internacional)
SÃO PAULO: Volpi; Juanfran (Paulinho Boia, aos 17'2ºT), Bruno Alves, Léo (Vitor Bueno, Intervalo) e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê (Diego Costa, aos 35'2ºT), Daniel Alves e Gabriel Sara (Igor Gomes, Intervalo); Brenner e Luciano (Carneiro, aos 25'2ºT). Técnico: Fernando Diniz.
INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Rodinei, Lucas Ribeiro, Víctor Cuesta (Zé Gabriel, aos 26'2ºT) e Moisés; Rodrigo Dourado (Johnny, aos 26'2ºT), Edenilson, Patrick, Praxedes (Rodrigo Lindoso, aos 21'2ºT) e Caio Vidal (Peglow, Intervalo); Yuri Alberto (Leandro Fernández, aos 29'2ºT) . Técnico: Abel Braga.

À frente de City e PSG! Palmeiras é eleito segundo melhor time de 2020

Últimas