Futebol Mineirão é candidato para receber final única da Libertadores

Mineirão é candidato para receber final única da Libertadores

Presidente da Federação Mineira de Futebol apresentou a proposta

Mineirão é candidato para receber final única da Libertadores

A ideia de uma final única para a Copa Libertadores, atualmente disputada em duas partidas, ainda está em estudo na Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol). Porém, caso a possibilidade seja colocada em prática, o Mineirão pinta como forte concorrente para sediar a decisão do principal torneio interclubes do continente.

Nesta terça-feira (12), em reunião na sede da Conmebol, o presidente da entidade, Alejandro Domínguez, recebeu a visita de Castellar Modesto Guimarães Neto, presidente da Federação Mineira de Futebol, e Ludmila Ximenes Resende, diretora de Relações Institucionais do Estádio do Mineirão.

Na ocasião, os executivos brasileiros formalizaram a proposta para que o mítico estádio receba a grande final. De acordo com o site da Conmebol, pelo menos duas três cidades da América do Sul manifestaram, não oficialmente, a intenção de receber a partida decisiva. Quito, no Equador, seria uma delas.

Em 2017, a Copa Libertadores da América mudou de formato, tornando-se um torneio anual e aumentando o número de participantes.

O Estádio Governador José de Magalhães Pinto, o popular Mineirão, está localizado em Belo Horizonte, Minas Gerais. O local foi inaugurado em 1965, sediou cinco finais de Libertadores e tem capacidade para 62.170 torcedores. Para os torcedores brasileiros, o Mineirão também carrega a triste lembrança da goleada de 7 a 1 sofrida para a Alemanha, na Copa do Mundo de 2014.

EsportesR7 no YouTube. Inscreva-se